10 de dezembro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais

Destaques

Os projetores que compõem o sistema de iluminação do Túnel de Taguatinga começaram a ser instalados. A equipe responsável pelo serviço tem trabalhado desde sábado (3) no lado sul da passagem, onde os veículos transitarão no sentido Avenida Elmo Serejo – Estrada Parque Taguatinga (EPTG). Em três dias de atividade, aproximadamente 200 luminárias foram fixadas.

Todas as luminárias do Túnel de Taguatinga ficarão a uma altura de 5 m da via: no total, serão 1.246 refletores | Fotos: Paulo H. Carvalho / Agência Brasília

A iluminação do Túnel de Taguatinga será garantida por 1.246 refletores munidos de LED com potências que variam entre 137 V, 145 V e 190 V. Todas as luminárias ficarão a uma altura de 5 m da via. O espaçamento entre elas, no entanto, varia de acordo com a posição ocupada no interior da passagem subterrânea.

Os refletores têm LED com potências que variam entre 137 V, 145 V e 190 V

“O distanciamento é baseado em um estudo luminotécnico que busca proporcionar maior conforto visual ao usuário”, comenta Renato Sales Santos, um dos engenheiros eletricistas que trabalham na construção do Túnel de Taguatinga. “O emboque, por exemplo, exige iluminação mais forte para evitar o ofuscamento da visão do motorista ao entrar no túnel. Nesse ponto, o espaço entre um projetor e outro será menor”.

Os projetores escolhidos para o túnel são específicos para uso em passagens subterrâneas. “O corpo deles é feito em alumínio e o LED é protegido por um vidro especial, resistente à poluição”, explica Renato. “Além disso, cada uma das luminárias é equipada com dispositivo de proteção contra surtos elétricos, que conduz o excesso de tensão para o solo por meio de um fio terra”.

 

(com informação agencia brasilia)

Nesta semana o administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, anunciou mais um benefício para os moradores da cidade.

Trata-se da nova quadra de futevôlei construída no Taguaparque.

Foi uma parceria entre o GDF, Secretaria de Esportes e a Administração Regional. “Com o total apoio do governador Ibaneis”, destacou o gestor.

 

Nos últimos 40 dias as chuvas torrenciais aqui no Distrito Federal, e em Taguatinga não é diferente, tem merecido atenção especial do GDF.

A propósito, o administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, visitou esta semana as bacias de contenção instaladas no Taguaparque.

E o administrador viu que o sistema está funcionando e evitando transtornos à população.

De acordo com os números divulgados pelo Governo do Distrito Federal, a Covid-19, com sua nova variante, tem provocado aumento no número de casos. 

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, alerta os servidores que continuam imprescindíveis medidas como higienização das mãos e uso de máscara em ambientes com grande aglomeração de pessoas.

As paredes internas do Túnel de Taguatinga já estão totalmente protegidas por barreiras new jersey. A estrutura de segurança moldada in loco se estende por 4 km ao longo das duas pistas. As últimas muretas foram concretadas nesta segunda-feira (5) no lado norte da passagem, por onde os veículos vão trafegar em direção à Avenida Elmo Serejo.

As últimas muretas foram concretadas nesta segunda-feira (5) no lado norte da passagem | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

As new jersey são peças multifuncionais construídas, na maioria das vezes, de concreto armado. Podem ser usadas para separar o fluxo de veículos, delimitar áreas em obra ou proteger as paredes de passagens subterrâneas. Dentro do Túnel de Taguatinga, as muretas ainda acumulam outras funções.

As new jersey são peças multifuncionais construídas, na maioria das vezes, de concreto armado

“Em conjunto com as paredes da passagem subterrânea, as barreiras new jersey formam o que chamamos de canaleta de utilidades”, conta o engenheiro civil fiscal da obra, Antônio Carlos Ribeiro Silva. “É um vão por onde passam cabos de energia e tubulações do sistema de escoamento da construção”.

Mas as muretas não estão presentes apenas no interior do Túnel de Taguatinga. Nas áreas de entrada e saída da passagem, a new jersey separa o fluxo de veículos. Também são as barreiras que evitam, em caso de acidente, que um veículo vá parar na outra pista, provocando um estrago ainda maior.

(Agencia Brasilia)

Começou nesta semana a colocação de bloquetes na obra em andamento do estacionamento da EQNM 34/36, em Taguatinga Norte. 

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira da Silva, esteve lá nesta sexta-feira (02/12) verificando o andamento dos trabalhos.

Lembrou ele que o projeto, em execução pela equipe de serviços da Administração Regional, atende aos insistentes apelos dos moradores e empresários da área por essa melhoria. 

O gestor que destacou que o estacionamento contará com 50 vagas, para veículos e motos.

 

 

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira da Silva, visitou nesta semana as obras do novo estacionamento em construção na EQNM 34/36, em Taguatinga Norte.

Informou o gestor que o estacionamento contará com 50 vagas, para veículos e motos, atendendo a uma demanda da comunidade local.

-Trata-se de mais uma grande obra que vai beneficiar a comunidade de Taguatinga, em especial o comércio local e os motoristas, explicou.

 A gestão atual já colocou à disposição dos moradores mais de 350 novas vagas em estacionamentos públicos.

Segundo Ezequias Pereira, Taguatinga continua sendo muito bem atendida pelo governador Ibaneis Rocha. 

Nos primeiros quatro anos de seu mandato, o GDF investiu na cidade algo próximo a R$ 400 milhões, com destaque para o Túnel de Taguatinga, a maior obra de mobilidade social em andamento no país.

Neste final de semana foi realizada mais uma edição do COF MMA BRASIL, tradição esportiva da cidade, onde compareceram mais de mil pessoas simpatizantes desse esporte. 

Grandes estrelas nacionais e internacionais participaram da competição, que tem se transformado em referência regional e nacional.

O Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, esteve presente e destacou a importância e a relevância desse acontecimento esportivo para a população da cidade. 

Ele estava acompanhado do Coordenador Geral (Coag) da administração regional, Ronaldo Costa.

Ezequias Pereira lembrou que Taguatinga, a principal cidade da capital federal, dispõe das condições necessárias para se tornar, cada vez mais, um centro cultural e esportivo da região Centro-Oeste. Isso, explicou, “nos levou a apoiar a realização do COF MMA BRASIL”.

O destaque foi o embate entre os lutadores Missionário e Samurai, que arrebataram a plateia presente no ginásio, neste sábado (26/11). 

O administrador aproveitou a oportunidade para parabenizar os lutadores participantes e os organizadores do COF MMA Brasil, Argemiro e Ana Cássia.

Os paredões que vão sustentar a via de ligação entre o viaduto para ônibus do Túnel de Taguatinga e a Avenida Elmo Serejo já têm armação pronta. A estrutura, feita com 11 toneladas de vergalhões de aço cortados e dobrados, vai reforçar o concreto nos dois muros de contenção da pista elevada.

Serviço começou pela concretagem da base, passando em seguida para os paredões | Foto: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília

As barras circulares foram montadas em cima de uma camada de concreto magro, usada para proteger a construção da umidade do solo. “Essa espécie de sub-base ficou pronta no último dia 12”, comenta o engenheiro civil José Alfredo Aguiar. “Desde então, vínhamos trabalhando na montagem da armação da base e dos muros”.

O serviço foi concluído na quarta-feira (23). E, no mesmo dia, os operários deram início à concretagem. “Começamos pela base, usando cerca de 17 m³ de concreto”, conta José Alfredo. “Na sexta [25], passamos para os dois paredões, um processo que será feito aos poucos por conta do tamanho deles”.

Cada um dos muros de contenção terá 80 m de comprimento, com altura máxima de pouco mais de 3 m – distância entre a ponta solta da rampa do BRT e a superfície. “A concretagem será feita em trechos de 10 m de extensão por vez”, esclarece o engenheiro civil Everaldo Barros. “Devemos gastar três dias por módulo, se a chuva não atrapalhar”.

Os dois muros laterais vão sustentar a pista até que ela esteja a cerca de um metro da superfície. “O restante da via não precisa de contenção”, explica José Alfredo. “Os últimos cinco metros serão feitos em cima de um aterro até que encontrem as faixas de rolamento da Elmo Serejo”.

(Com informação da AGENCIA BRASILIA)

Ventiladores de quase uma tonelada já ocupam toda a laje superior na metade sul do Túnel de Taguatinga. A fixação dos 22 aparelhos de exaustão na pista que vai da Avenida Elmo Serejo até a Estrada Parque Taguatinga (EPTG) foi concluída na segunda-feira (21). No dia seguinte, o serviço de instalação foi iniciado no lado oposto da passagem.

Cada ventilador pesa 930 kg; são necessárias 16 barras roscadas para fixar cada um deles à laje superior do túnel | Foto: Lucio Bernardo Jr./Agência Brasília

A metade norte do túnel será equipada com 30 ventiladores. Na pista que leva da EPTG à Elmo Serejo, os veículos  vão trafegar contra a corrente de ar natural que entra pela extremidade da passagem. “Por isso, a exaustão desse lado precisará ser mais potente”, explica o engenheiro mecânico Vinicius Matos. “Desde terça, já fixamos oito aparelhos. E pretendemos manter a média de quatro instalações por dia”.

O trabalho de fixação tem sido feito com a ajuda de uma empilhadeira, usada para erguer os ventiladores a uma altura de quase 5 m. “Os equipamentos são bastante robustos; cada um deles pesa 930 kg”, comenta Vinicius. “São necessárias 16 barras roscadas para fixar cada um deles à laje superior do túnel”.

A equipe de instalação também contou, nesta semana, com a assessoria da empresa fabricante dos ventiladores. O assistente técnico Guilherme Belatto foi enviado de Itu (SP) para conferir de perto a fixação dos aparelhos, que devem seguir a horizontal absoluta e não podem acompanhar a inclinação da laje. O profissional passou três dias na obra e aprovou o serviço que é feito no Túnel de Taguatinga.

“Todas as instalações que avaliei foram feitas de forma correta”, garante Belatto. “Aproveitei a visita para corrigir pequenas inconformidades que encontramos em alguns aparelhos. São apenas avarias estéticas, arranhões na pintura que consertamos no próprio local. Nada que comprometesse o funcionamento.”

(Com Informação da AGENCIA BRASILIA)

A Administração Regional de Taguatinga e a diretoria da Associação Internacional de Polícia (IPA) firmaram na manhã desta quinta-feira (24) uma parceria, por meio do programa Adote Uma Praça, visando fortalecer importantes projetos existentes o Taguaparque.

De acordo com o documento, com a interveniência da Secretaria de Projetos Especiais do Governo do Distrito Federal, a IPA será a responsável pela execução do projeto Vila das Crianças, criado no ano passado, e já em andamento.

Outra responsabilidade do IPA será promover a revitalização da cascata do Taguaparque, tornando-a ainda mais atrativa e acessível ao público em geral. Outra tarefa diz respeito ao Viveiro Comunitário do Taguatinga.

O Viveiro continuará aberto à comunidade, mas a IPA terá participação ativa no projeto que já permitiu o plantio de mais de duas mil mudas de plantas nativas. É uma ação voltada para a preservação do meio ambiente

Para o administrador Ezequias Pereira, “ações dessa natureza fortalecem os laços do poder público com a comunidade e as entidades privadas, melhorando a infraestrutura do Taguaparque e dando mais conforto ao público que frequenta aquele centro de lazer.

Um mês e meio depois de ser reinaugurada, a passarela de pedestre do metrô de Taguatinga tem facilitado a vida de quem anda pelo centro. A passagem, que liga a estação na Praça do Relógio ao lado sul da cidade, foi demolida em março de 2021 para dar espaço às obras do Túnel de Taguatinga. O acesso subterrâneo passou por uma reconstrução completa e foi devolvido para a comunidade no dia 7 de outubro.

Muita coisa mudou na passarela depois de sua reforma. A travessia foi democratizada com a construção de rampas e a instalação de corrimãos feitos em aço carbônico.

“A mobilidade melhorou bastante na passagem”, opina a vendedora Cláudia Fernandes, 42 anos. “Antes da obra, só passava por aqui quem conseguia descer as escadas”, conta. Além disso, o trajeto conta agora com piso podotátil para auxiliar deficientes visuais.

A passagem subterrânea liga a estação na Praça do Relógio ao lado sul de Taguatinga | Fotos: Paulo H Carvalho/Agência Brasília

A segurança também melhorou com a reconstrução. Na nova versão da passarela, lâmpadas fluorescentes equipam 30 luminárias de sobrepor instaladas ao longo de todo o caminho. Para evitar a formação de poças no período da chuva, o escoamento é feito por 84 metros de grelhas de ferro fundido.

“É uma opção confortável e segura não só para quem usa o metrô, mas também para quem desce do ônibus na Praça do Relógio”, garante a cuidadora Elza Cristina, 52 anos. “Atravessar para Taguatinga Sul era um sufoco. O semáforo demorava para abrir e acabava ficando tumultuado, porque era um monte de pedestre querendo atravessar ao mesmo tempo”.

Quem costuma andar em veículo próprio pela região também aprovou a nova passagem subterrânea. “Eu deixo o carro em Taguatinga Sul e vou a pé, pela passarela de pedestre do metrô, até o centro da cidade”, conta a comerciante Maria Luzia Peixoto, 69 anos. “Antes, eu gastava um bom tempo no trânsito, principalmente pela manhã. Agora, chego mais rápido e ainda caminho um pouco, com segurança e conforto”, diz.

(com informação da Agencia Brasilia)

O parque infantil da Praça do Taguacenter, na CNG 4 de Taguatinga, está sendo recuperado. Em ação do GDF Presente, o equipamento público passa por serviços de pintura, capina, reposição de areia e recuperação de alambrados e brinquedos.

Equipes cuidam da manutenção e reforma do espaço de recreação infantil | Fotos: Divulgação/GDF Presente

Os trabalhos começaram no último dia 10, com a recuperação do alambrado e o serviço de capina. Até quarta-feira (16), o espaço recebeu pintura e 6 m³ de areia nova para reposição. A expectativa é que o serviço siga até a próxima semana.

“Já fizemos a recuperação de alguns brinquedos e vamos fazer ainda a de outros nos quais estão faltando peças”, informa o coordenador do Polo Oeste II, Elton Walcacer. “Também vamos substituir uma parte de madeira na casinha por uma chapa metálica.”

Pedido atendido

O serviço atende as reivindicações dos moradores de Taguatinga recebidas pela Ouvidoria. “Nossa obrigação é atender as demandas da população, com especial carinho com nossas crianças que necessitam de locais para as atividades de lazer, cultura e prática de exercícios físicos”, afirma o administrador da cidade, Ezequias Pereira.

Desde janeiro, está em andamento o programa de recuperação dos parquinhos, iniciativa que conta com a participação do GDF Presente. Até agora, lembra o gestor, foram reformados 30 desses espaços de recreação infantil, tanto no Setor Sul quanto no Setor Norte de Taguatinga.

“As obras de referência nesses parquinhos são pintura nova, recuperação da areia e dos brinquedos degradados, sempre com o apoio incondicional do governador Ibaneis Rocha”, resume o administrador de Taguatinga.

(Com Informação da Agencia Brasilia)

 

A Controladoria-Geral do DF vai realizar o “Fórum de Governança: tendências da atualidade e novas perspectivas”.  O evento é presencial, gratuito e voltado para servidores dos órgãos do Governo do Distrito Federal (GDF). As inscrições estão abertas entre 10 a 21 de novembro ou até que se esgotem as vagas.

 

Inscreva-se aqui.

 

O Fórum pretende debater temas que envolvem a governança atualmente como “Agenda 2030 da ONU e políticas de ESG na Administração Pública”, “Governança de Dados” e “Governança: desafios de proposição e implantação na Administração Pública”. Participarão do debate representantes da Controladoria-Geral de Goiás (CGE/GO), da Comissão de Compliance, Governança e ESG OAB/DF, da Agência Nacional de Proteção de Dados (ANPD) e da Controladoria-Geral do DF.

 

O controlador-geral do Distrito Federal, Daniel Lima, vê no Fórum uma oportunidade para trocar conhecimento e discutir temas importantes na área da Governança. Ele explica que a Controladoria-Geral do DF é a responsável por incentivar e orientar os órgãos do GDF em relação às ferramentas que podem ser aplicadas nesse sentido. “O Fórum vai ao encontro daquilo que temos como missão. Muitas ações têm sido desenvolvidas nesse sentido, mas o evento é uma forma de alinhar conhecimento e direcionar os servidores na boa governança”, explica o controlador-geral.

 

Além das importantes discussões e a troca de conhecimento, Ana Ferrari destaca a importância do Fórum para o serviço público: “Com o Fórum, pretendemos promover o fomento e o debate acerca da importância da Governança e os seus desafios de implementação na Administração Pública. Vamos também abordar seu encontro com temas da atualidade como Integridade, LGPD, ESG, tudo isso priorizando o interesse público”.

 

SERVIÇO:

Quando: 23/11, 9h às 18h

Inscrições: https://forms.gle/huu9bevjRj1R71uG9 até o dia 21/11.

Local: auditório do BIOTIC – Parque Tecnológico de Brasília

 

Depois de revestir metade do boulevard do Túnel de Taguatinga, a pavimentadora que marca presença diária na maior obra do Distrito Federal voltou a trabalhar no subterrâneo. O equipamento usado para fazer aplicação, nivelamento e compactação do concreto está no lado norte da passagem, dando continuidade à pavimentação da pista que vai da Avenida Elmo Serejo até a Estrada Parque Taguatinga (EPTG).

Assim que o revestimento estiver concluído na fase 1, o trabalho de acabamento passará a ser feito na fase 2, trecho mais próximo à saída do túnel | Foto: Lúcio Bernardo Jr/Agência Brasília

O pavimento rígido é o acabamento mais indicado para as seis faixas de rolamento do Túnel de Taguatinga. Produzido com concreto de cimento Portland (CCP), o revestimento tem uma vida útil até três vezes maior do que o pavimento flexível, feito de asfalto. Não à toa, seu uso é recomendado em vias de tráfego pesado e corredores de ônibus (BRT).

A concretagem já estava pronta em uma das três faixas da fase 1, trecho que começa na entrada do túnel e vai até a altura da Avenida Comercial. No último dia 9, o serviço começou a ser feito nas outras duas pistas. “Pavimentamos cerca de 140 m em quatro dias de trabalho”, calcula André Borges, um dos engenheiros civis envolvidos na construção do túnel. “Para concluirmos os 500 m, usaremos um total de 650 m³ de concreto”.

Assim que a fase 1 estiver totalmente revestida, o trabalho de acabamento passará a ser feito na fase 2, trecho mais próximo à saída do túnel. A fase 3, porção central da passagem subterrânea, será concretada por último. “Novamente faremos uma faixa primeiro para, em seguida, pavimentarmos as duas outras”, conta André. “Isso porque a máquina tem uma limitação de largura, não é possível trabalharmos nas três faixas ao mesmo tempo”.

A obra do Túnel de Taguatinga vai beneficiar 137 mil motoristas que transitam pela área central da região administrativa. O investimento é de R$ 275,7 milhões, recursos provenientes do Governo do Distrito Federal e da Caixa Econômica Federal.

(COM INFORMAÇÕES DA AGENCIA BRASILIA)

Como parte das ações preventivas aos efeitos das fortes chuvas, a Novacap iniciou a manutenção das bacias de contenção do Taguaparque, em Taguatinga. O trabalho é realizado, anualmente, pelas equipes da Divisão de Obras Diretas de Pavimentação Asfáltica (Diod), e tem como objetivo minimizar os impactos causados pelas enchentes.

A bacia de contenção tem a função de diminuir a vazão de pico que chega naquele ponto, proporcionando uma saída de água controlada | Foto: Kiko Paz/ Novacap

A bacia de contenção é um reservatório criado para armazenamento temporário da água da chuva. Sua função é diminuir a vazão de pico que chega naquele ponto, proporcionando uma saída de água de forma controlada, sem que cause danos à região de jusante – região posterior às bacias. O Taguaparque conta com oito bacias que têm a capacidade de armazenar aproximadamente 38.500,00 m³ de água.

 

“Todos os anos a Novacap realiza esse trabalho. Essa é uma das ações realizadas pela Divisão de Obras Diretas de Pavimentação Asfáltica que visa mitigar os efeitos causados pelas chuvas. É um trabalho preventivo de extrema importância”, destacou a Chefe da Divisão de Obras Diretas de Pavimentação Asfáltica da Novacap, Juliane Fortes.

Dez funcionários executam a manutenção dos reservatórios. Os serviços realizados são de limpeza e remoção de terra e lixo. A previsão é de que a ação esteja concluída em até 15 dias.

(*Com informações da Agencia Braislia/Novacap)

A concretagem da via de ligação entre o boulevard do Túnel de Taguatinga e o viaduto da Estrada Parque Taguatinga (EPTG) está concluída. O encaixe de 280 m terminou de ser pavimentado nesta terça-feira (8). Com isso, o trecho de 730 m que começa na Avenida Comercial e vai até as imediações da passagem subterrânea está totalmente revestido.

O pavimento rígido, feito em concreto, tem vida útil até três vezes maior do que o asfalto | Foto: Paulo H. Carvalho / Agência Brasília

O pavimento rígido é a melhor opção para revestir as faixas do BRT, sigla em inglês para bus rapid transit (ônibus de trânsito rápido). O piso feito com concreto de cimento portland tem vida útil até três vezes maior do que o asfalto. O mesmo material foi usado para dar acabamento às seis faixas de rolamento do Túnel de Taguatinga.

A pavimentação da pista que conecta o piso superior do túnel à EPTG foi feita por etapas. “Concretamos uma metade por vez”, conta Renes Cândido, um dos engenheiros responsáveis pela construção do Túnel de Taguatinga. “Isso porque a pista é abaulada. Isso significa que as duas faixas de rolamento têm caimento diferente.”

É a queda do pavimento que ajuda a evitar alagamentos na via. No caso do corredor exclusivo para ônibus, as águas pluviais são direcionadas para as extremidades da pista porque o centro dela é ligeiramente elevado. O escoamento até as bocas de lobo é feito com a ajuda do meio-fio.

(COM INFORMAÇÃO DA AGENCIA BRASILIA )

O Dia Mundial do Diabetes, que é comemorado em 14 de novembro desde a década de 1990, foi reverenciado nesta quarta (09/11) pelo Hospital Regional de Taguatinga (HRT), em colaboração com a Administração Regional.

O evento contou com a participação de técnicos e enfermeiros do HRT que aproveitaram para medir a pressão arterial das pessoas e informar sobre a necessidade de bons hábitos alimentares, condição básica para evitar e controlar o diabetes.

De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) existem atualmente 540 milhões de pessoas em todo o mundo que são portadoras da doença. 

A iniciativa do HRT tem o objetivo de esclarecer o cidadão comum sobre medidas práticas para evitar o diabetes, com destaque para a prática de atividades físicas como caminhadas diárias ou corridas com acompanhamento médico.

A comemoração do Dia Mundial do Diabetes é também uma homenagem a um dos descobridores da insulina, o inglês sir Frederick Banting junto com seu colega Charles Best. Atualmente 8,5% da população adulta do mundo convive com o diabetes.

O administrador de Taguatinga. Ezequias Pereira, visitou as obras do novo estacionamento, nas imediações do Edifício Areia Vermelha, uma obra reivindicada pelos moradores da região.

O amplo estacionamento, com 1.300 metros quadrados de área construída, é mais um projeto representativo dessa forte parceria entre o GDF e a administração de Taguatinga.

Veja o Video  a seguir :

O principal item de segurança do viaduto exclusivo para ônibus do Túnel de Taguatinga está pronto. A rampa, que ligará o boulevard da passagem à Avenida Samdu, já está totalmente guarnecida com 140 m de barreiras new jersey. As muretas vão garantir que nenhum veículo caia da pista suspensa em caso de colisão.

A execução da barreira new jersey na rampa do BRT foi possível porque a pista suspensa já está concretada: processo terminou em 3 de outubro, com a utilização de 450 m³ de concreto armado | Foto: Paulo H. Carvalho / Agência Brasília

As barreiras não estão presentes apenas no viaduto do BRT, sigla do inglês para bus rapid transit (ônibus de trânsito rápido). O próprio Túnel de Taguatinga terá aproximadamente 4 km de mureta. No seu interior, a new jersey tem a função de proteger a estrutura da passagem subterrânea. Nas áreas de entrada e saída da obra, o item de segurança separa o fluxo de veículos.

“Por se tratar de uma construção muito robusta, o trabalho precisou ser feito em duas etapas”Giovana Assis, engenheira de planejamento

A execução da barreira new jersey na rampa do BRT só foi possível porque a pista suspensa já está concretada. O processo terminou em 3 de outubro, com a utilização de 450 m³ de concreto armado. “Por se tratar de uma construção muito robusta, o trabalho precisou ser feito em duas etapas”, conta a engenheira de planejamento Giovana Assis.

Para fazer a primeira camada, foram usados 200 m³ da mistura de brita e cimento. Por cima, foi feita uma segunda camada com 250 m³ do material. “O pavimento passou por três dias de cura úmida. A prática mantém a hidratação do concreto e melhora seu desempenho”, detalha Giovana.

O Túnel de Taguatinga é a maior obra viária em execução no Brasil. O investimento de R$ 275 milhões vai melhorar a vida de pelo menos 137 mil motoristas que trafegam pela área diariamente.

 

(COM informações da Agecnia Brasilia)

A via que liga a Avenida Elmo Serejo à entrada do Túnel de Taguatinga começou a ser construída. Serão aproximadamente 150 m de pista revestida com asfalto. A escavação da área já foi executada. Agora, as equipes se dedicam à preparação da sub-base, feita com aplicação de uma camada de brita graduada simples (BGS).

Pista terá três camadas de asfalto, cada uma com 5 cm de espessura | Foto: Carolina Caraballo/Agência Brasília

O próximo passo do processo de pavimentação asfáltica será a imprimação. “É um banho de piche que aumenta a aderência do revestimento”, explica o engenheiro civil Everaldo Barros, que atua na construção do túnel. “Com essa etapa concluída, podemos entrar com o pavimento”.

A pista vai receber três camadas de asfalto com 5 cm de espessura cada, espalhadas e compactadas a uma temperatura de 145º C. Entre uma capa e outra, é feito um banho de ligação com emulsão asfáltica para garantir uma aderência ainda maior.

Considerado a maior obra em execução no Brasil atualmente, o Túnel de Taguatinga vai beneficiar mais de 137 mil motoristas que transitam pela área todos os dias. O investimento na obra é de R$ 275 milhões.

 

Enquanto o período de chuva não chega de vez, a execução do pavimento rígido no boulevard do Túnel de Taguatinga avança cerca de 80 m diariamente. E dita o andamento de outro serviço importante para a qualidade da pista: o corte das juntas de dilatação.

As fendas têm cerca de 0,5 centímetro de espessura e são feitas com um espaçamento de 5 m uma da outra | Fotos: Lucio Bernardo Jr/Agência Brasília

Os recortes feitos na pista e a pavimentação precisam caminhar de forma simultânea. “Trabalhamos na concretagem do piso em um dia e, no seguinte, a junta de dilatação já precisa ser feita”, conta André Borges, um dos engenheiros civis que atuam na obra do Túnel de Taguatinga. “Não podemos demorar. Caso contrário, o revestimento pode trincar”.

Isso acontece porque o concreto está sujeito a pequenos movimentos de expansão e retração provocados pela variação da temperatura. No caso do pavimento rígido, há ainda a pressão provocada pelo peso dos veículos. O uso de recortes, barras de transferência e barras de ligação garante uma pista livre de rachaduras.

A junta de dilatação precisa ser feita no dia seguinte à concretagem do trecho, caso contrário, o revestimento pode trincar

As juntas de dilatação são feitas com um espaçamento de 5 m uma da outra. “As fendas têm cerca de 0,5 centímetro de espessura. É imperceptível para os motoristas, mas suficiente para impedir o atrito entre as placas”, explica o engenheiro Renes Cândido.

Os cortes precisam passar por cima das barras de transferência instaladas no interior do concreto. “Se as bordas não fossem niveladas pela barra de transferência, o piso poderia empenar”, conta Renes. “Além disso, essas estruturas permitem uma melhor distribuição das cargas ao longo da pista.”

Ao contrário das barras de transferência, as barras de ligação não têm a função de transferir carga, mas sim de evitar a movimentação das placas formadas com os recortes. “A barra de ligação é instalada no sentido longitudinal – ela serve para unir uma faixa de rolamento à outra, além de reforçar as extremidades das placas”, afirma Renes

(COM INFORMAÇÃO DA AGENCIA BRASILIA)

O primeiro dos 52 ventiladores que compõem o sistema de exaustão do Túnel de Taguatinga começou a ser instalado nesta segunda-feira (25). O método de fixação do equipamento servirá de modelo para a implantação das demais peças. Isso porque o suporte que prende o aparelho à laje precisa estar perfeitamente nivelado para evitar que ele sofra danos a longo prazo.

O suporte que prende o aparelho à laje precisa estar perfeitamente nivelado para evitar que ele sofra danos a longo prazo | Foto: Divulgação/SODF

A base de sustentação dos ventiladores será fixada com 16 barras roscadas – oito delas com 67 cm de comprimento e as demais medindo 38 cm. “O nivelamento precisa seguir a horizontal absoluta. Ou seja, não pode acompanhar a inclinação da laje do túnel”, explica o engenheiro mecânico Vinícius Matos. “Uma instalação inadequada pode gerar sobrecarga no aparelho”.

Para garantir que a fixação do suporte esteja de acordo com as exigências, os profissionais do Túnel de Taguatinga vão contar com uma ajuda externa. A fábrica paulista responsável pela produção dos ventiladores enviará um representante técnico para validar o serviço no local. “Por enquanto, o equipamento servirá apenas como modelo para a instalação dos demais”, conta Vinícius. “Ele só será ligado depois que a automação estiver funcionando”.

É esse sistema automatizado que ficará responsável por controlar a potência dos ventiladores. De acordo com o subsecretário de Acompanhamento e Fiscalização da Secretaria de Obras, Ricardo Terenzi, sensores de fumaça vão aumentar ou diminuir a velocidade das pás conforme a necessidade.

“Se houver um engarrafamento intenso ou até um incêndio dentro do túnel, a rotação aumenta o suficiente para aspirar a fumaça e lançá-la para fora da passagem”, explica Terenzi. Em caso de queda de energia, três geradores darão autonomia de até 60 minutos não só para os ventiladores, mas também para todos os equipamentos de segurança.

 

(COM INFORMAÇÃO DA AGENCIA BRASILIA)

O viaduto exclusivo para ônibus que ligará o boulevard do Túnel de Taguatinga à Avenida Samdu contará com um item de segurança fundamental. É a barreira new jersey, uma pequena e reforçada mureta feita de concreto armado. A estrutura é multifuncional. Mas, na rampa do BRT, terá um único e importante papel: garantir que nenhum veículo caia da pista suspensa em caso de colisão.

“A rampa terá 140 metros de barreira new jersey instalada ao longo das faixas de rolamento”, adianta José Alfredo Aguiar, um dos engenheiros civis que atua na construção do túnel. “Desse total, aproximadamente 95 metros já estão prontos. Nossa previsão é concluir o trabalho até sábado, se não chover”, informa Aguiar.

As pequenas muretas feitas de concreto armado são resistentes a colisão | Foto: Lucio Bernardo Jr/Agência Brasília

As muretas não estão presentes apenas no viaduto do BRT, sigla emprestada do inglês para bus rapid transit (ônibus de trânsito rápido). O Túnel de Taguatinga será guarnecido com aproximadamente 4 km de barreira. No seu interior, a new jersey é usada para proteger a estrutura da passagem subterrânea. Nas áreas de entrada e saída da obra, o item de segurança separa o fluxo de veículos.

Concretagem da rampa

O início da execução da barreira new jersey na rampa do BRT só foi possível porque a pista suspensa já está concretada. O processo terminou em 3 de outubro, com a utilização de 450 m³ de concreto armado. Por conta da robustez da construção, o trabalho precisou ser feito em duas etapas.

A primeira camada usou 200 m³ da mistura de brita e cimento. Por cima, foi feita uma segunda camada com 250 m³ do material. “O pavimento passou por três dias de cura úmida [método que consiste em manter a superfície do concreto coberta com água] para manter a hidratação do concreto e garantir um melhor desempenho”, conta a engenheira de planejamento Giovana Assis.

Além do cimento, o viaduto exclusivo para ônibus usou 300 cilindros de EPS (poliestireno expandido). Os blocos, com 80 cm de diâmetro cada, serviram para dar mais leveza e agilidade à construção da rampa.

(COM INFORMAÇÕES DA AGENCIA BRASILIA)

Em uma festiva solenidade realizada na manhã desta quinta-feira (27/10), com a presença do Administrador Regional de Taguatinga, Ezequias Pereira, prestigiada pelo seu antecessor, Bispo Renato Andrade, foi comemorado o Dia Servidor Público.

O ato foi realizado no auditório da Administração Regional, na presença dos servidores de carreira, comissionados e terceirizados. O Dia do Servidor é comemorado oficialmente, todos os anos, no dia 28 de outubro.

Na ocasião, Ezequias Pereira destacou a “capacidade de trabalho e o esforço diário dos servidores em fazer de Taguatinga uma cidade cada vez melhor e acolhedora”.

Bispo Renato Andrade lembrou a importância do Dia do Servidor Público e destacou a capacidade de trabalho de todos os servidores da Administração de Taguatinga, “na execução das dezenas de obras e benfeitorias que o GDF tem realizado aqui em nossa cidade nos últimos quatro anos”.

Tenho dito a amigos e colaboradores que nem “em 20 anos não serão superadas as obras que fizemos aqui em dois anos”. 

Ele destacou projetos de grande envergadura para o taguatinguense, com destaque especial para o Túnel de Taguatinga, a maior obra de mobilidade social em execução no Brasil.

Na ocasião, o engenheiro Erik Basílio Mendonça, Diretor de Aprovação e Licenciamento (DIALIC), apresentou aos servidores o projeto de reforma do Edifício Sede da Administração Regional. 

O prédio foi construído em 1958, pelo então prefeito do Distrito Federal, Wadjô da Costa Gomide. 

Depois disso o prédio passou algumas reformas pontuais, mas que não atenderam às necessidades da população. O início da reforma do prédio está previsto para começar em 2023, após licitação pública. 

Foram distribuídos brindes e um Certificado de Reconhecimento por serviços prestados aos servidores da Administração Regional de Taguatinga, assinado pelo administrador Ezequias Pereira e o coordenador de Administração Geral, Ronaldo da Costa.

O Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, participou na noite desta terça (28/06) da cerimônia comemorativa dos 62 anos de fundação da mais antiga entidade de classe do DF, a Associação Comercial e Industrial de Taguatinga (Acit).

O gestor recebeu do governador Ibaneis, presente ao evento, a informação de que a “cidade recebeu em sua administração R$ 600 milhões em investimentos”. 

E a primeira etapa do Túnel de Taguatinga será inaugurada no final de julho, revelou o governador.

Na ocasião, a Acit inaugurou o Espaço José Paulino da Costa, um novo e moderno auditório destinado a eventos, palestras e seminários.

Para Ezequias Pereira, a solenidade foi o “símbolo de uma entidade histórica para Taguatinga, que lidera o processo de desenvolvimento econômico da cidade ao longo de décadas”.  

Justo Magalhães, presidente da Acit, apresentou ao governador Ibaneis Rocha a nova galeria dos ex-presidentes, aqueles que por mais de meio século mantiveram vivo o espírito empreendedor do setor privado.

A Comissão Eleitoral, formada pelo Conselho Regional de Cultura de Taguatinga, com

integrantes do CRC e da comunidade cultural, e instituída formalmente pela Administração

Regional de Taguatinga, é responsável por elaborar e lançar o edital de chamamento de

candidaturas para formação da lista tríplice com vistas à indicação para o cargo de Gerente da Gerência de Cultura, Esporte e Lazer (GECEL) da Administração Regional de Taguatinga

RA-TAG. No exercício de sua competência fixada pela Ordem de Serviço no 27, da

Administração Regional de Taguatinga, de 16 de março de 2022, e em conformidade com a

Resolução no 01/2019, do Conselho de Cultura do Distrito Federal (CCDF), em cumprimento

do disposto no Artigo 9 da Lei Complementar no 934/2017 (Lei Orgânica da Cultura – LOC),

que dispõem sobre a nomeação de Gerente de Cultura, a Comissão RESOLVE tornar público

o presente Edital de Chamamento, conforme condições, regulamento e cronograma disponíveis nos links a seguir.

 

Eleições para a Lista Tríplice da Gerência de Cultura de Taguatinga

 

De 22 de junho a 07 de julho as inscrições estão abertas.

 

 

Venha participar do Reciclotech neste sábado (02).  O evento foi feito para você  que trabalha na Administração Regional de Taguatinga . Divulgue e compareça.

Nesta semana, o administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, participou da solenidade de início das aulas do Curso de Formação de Praças (CFP). O evento foi presidido pelo governador Ibaneis Rocha.

Ibaneis destacou que 335 novos policiais militares estarão integrados ao sistema de segurança pública do DF, após a conclusão do curso de formação e aperfeiçoamento.

O governador lembrou ter colocado 31 delegacias de polícia em funcionamento 24 horas. Com base nessas e outras medidas, os índices de violência no DF foram reduzidos a níveis históricos.

Ezequias Pereira lembrou a parceria do governador Ibaneis para com Taguatinga. “Ele deu atenção permanente ao combate da violência e do tráfico de drogas em nossa cidade”.

O Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, recebeu nesta terça (23/06), a Medalha de Honra da Defesa Civil, concedida aos brasilienses que prestaram serviços notáveis de Defesa Civil à população brasiliense.

A cerimônia foi presidida pelo Vice-Governador Paco Britto, representando o governador Ibaneis Rocha.

Ezequias Pereira afirmou receber com humildade a homenagem. E disse que a Medalha de Honra não é só dele “mas de toda a população de Taguatinga e do Distrito Federal”.

A solenidade aconteceu na Academia de Bombeiro Militar, no Setor Policial Sul. Foram agraciadas 220 personalidades dos mais diferentes segmentos da população da capital federal.
 

A Administração de Taguatinga promoveu nesta terça (21/06) mais um evento comemorativo dos 64 anos de Taguatinga.

Foi a entrega de Moção de Honra, em ato realizado no recém-inaugurado auditório da Faculdade Projeção.

As moções foram entregues a diversas personalidades pelos relevantes serviços prestados à cidade.

Receberam o certificado autoridades civis, eclesiásticas, lideranças comunitárias, empresários e servidores públicos.

O administrador Ezequias Pereira destacou a importância do evento que reconhece o trabalho de “líderes históricos da cidade, que trabalharam e lutam pelo bem-estar da população”.

O ex-administrador Bispo Renato Andrade esteve presente ao ato e foi homenageado.

As obras em Taguatinga não param. Nesta semana a equipe de serviços da Administração Regional e a Novacap fazem intervenções no Setor M Norte, na QNL 24, na QNM 40 e no Centro Educacional 07 da QNM 36/38.

O administrador da cidade, Ezequias Pereira, lembra que as obras por aqui estão em ritmo acelerado, graças ao apoio do governador Ibaneis Rocha.

Em pouco mais de três anos, o GDF investiu na metrópole mais de R$ 350 milhões, com destaque para o Túnel de Taguatinga,  a revitalização da Avenida Helío Prates e a regularização fundiária do Setor Primavera .

Na QNM 34, estão sendo colocados meios-fios na etapa final da reconstrução do retorno ali existente. A propósito, todos os seis retornos da principal avenida da M Norte serão refeitos até o mês de agosto.

Já na QNL, também em Taguatinga Norte, foi realizada nesta terça (21/06) uma operação tapa-buracos, a pedido da comunidade local.

Outro serviço realizado foi a limpeza nas áreas vizinhas ao Centro Educacional 07. Foram retirados entulhos e feita poda de árvores.

E, finalmente, na QNM 40, Conjunto Q, casa 35, foi realizada poda de árvore e retirada de lixo que se acumulava no local.

Retornos na Setor M Norte

Tapa-buracos QNL 24

Centro Educacional 07

Limpeza na QNM 40

O administrador Ezequias Pereira recebeu nesta segunda (20/06), em nome da Administração Regional, um troféu pelo apoio institucional dado à corrida 10k e 5k.

O troféu dado à Administração de Taguatinga, pelos diretores da empresa Bruno Atleta, Sílvio Pires e Bruno do Nascimento, refere-se à colaboração da administração com os eventos esportivos realizados na cidade pela instituição.

O gestor agradeceu pelo prêmio e lembrou “que o apoio institucional conjunto da administração e do GDF, representa a preocupação do setor público em fortalecer as práticas desportivas pela população”.

A corrida 10k e 5k é uma das mais concorridas do Distrito Federal, com a participação de atletas daqui e da região do Entorno da capital federal. 

Na edição deste ano participaram 1.500 atletas, mostrando que Taguatinga entrou, definitivamente, no circuito dos eventos esportivos. 

Satisfeito com a participação do público nas duas corridas deste ano, o empresário Bruno do Nascimento lembrou que, no dia 10 de julho próximo, haverá uma grande festa.

É que será realizada a Meia Maratona, a primeira desse tipo em Taguatinga, em homenagem ao grande projeto que é o Túnel de Taguatinga.

O governador Ibaneis Rocha lançou, nesta quarta (15/06), o sexto ciclo do Programa Renova DF, durante solenidade realizada no Ginásio Regional de Ceilândia. 

A nova etapa do programa – de qualificação profissional -, vai atender 1.500 pessoas de Ceilândia e outras 500 de Taguatinga.

Presente ao evento, o administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, lembrou a “importância do Renova DF por promover a inclusão social e dar nova oportunidade de ascensão econômica aos menos favorecidos”.

As aulas do Renova DF são ministradas por profissionais do Serviço Social da Indústria (SESI) e atendem pessoas com mais de 18 anos de idade. 

Nas aulas e oficinas de trabalho, os candidatos recebem noções das profissões de jardineiro, carpinteiro, eletricista, encanador, serralheiro, pintor e pedreiro

 As obras em Taguatinga não param. Nesta semana foi colocada massa asfáltica nos novos retornos da M Norte, nas QNMs 34 e 36. 

Essa é uma ação conjunta da Administração Regional, do GDF Presente e do Detran, em atenção às demandas dos moradores do setor.

Ao mesmo tempo, foram realizadas operações tapa-buracos em diversos pontos da cidade, em especial nas QNAs 24, 25 e 32. 

Essas ações acontecem em atendimento às reivindicações dos moradores com objetivo de melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Lembra o administrador Ezequias Pereira que a cidade tem recebido atenção especial do governador Ibaneis Rocha. 

Em razão disso, segundo o gestor, vem sendo realizadas obras prioritárias como, por exemplo, a segunda etapa de revitalização da Avenida Hélio Prates. 

Retorno da M norte

Tapa-buracos QNA 24,25 e 32

 

 

 

 

Em Taguatinga as obras não param. Nesta semana foram iniciadas as obras da segunda etapa de revitalização e requalificação da tradicional Praça do DI.

Essa é a primeira reforma para valer da Praça do DI em 50 anos. Nessa etapa, por exemplo, o piso de pedras portuguesas será substituído pelo de cimento usinado.

 Assim, haverá mais segurança para os pedestres, especialmente às pessoas da terceira idade, com rampas de acessibilidade, novos bancos e a construção de uma pista de skate.

No total, incluindo a primeira etapa da requalificação, serão investidos recursos superiores a R$ 600 mil.

As obras em Taguatinga não param. No mês em que a cidade comemora 64 anos, dezenas de projetos, sejam pequenos ou de grande porte, estão sendo implementados. 

Os investimentos na cidade, desde 2019, já alcançam R$ 350 milhões.

Um exemplo disso, segundo lembrou o administrador Ezequias Pereira, está nas obras de asfaltamento do estacionamento localizado na Unidade Básica de Saúde (UBS) 07, em Taguatinga Norte.

Numa ação conjunta entre a Administração Regional e a equipe da Novacap, foi atendida uma reivindicação antiga dos motoristas que utilizam o estacionamento daquela UBS.

O Supervisor da UBS 07, Francisco Adelson, comemorou a obra ao lembrar que os “os funcionários enfrentavam lama e poeira ao estacionarem seus carros na área, era um transtorno só”.

Ezequias Pereira agradeceu ao governador Ibaneis pelo que tem sido feito por Taguatinga, “modernizando a metrópole e recuperando bens públicos essenciais e prioritários para o bem-estar da população”.

 

O Desfile Cívico, em homenagem aos 64 anos de Taguatinga, realizado neste domingo (12/06) foi um grande sucesso. 

Com a participação de escolas públicas e privadas, além   do apoio do Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF) e da Polícia Militar (PMDF).

Para o administrador da cidade, Ezequias Pereira, o retorno do desfile presencial, após a pandemia da Covid-19, foi uma “grande emoção ver nossos jovens comprometidos com o civismo e o amor à nossa querida Taguatinga”.

 

Coral Independente de Taguatinga

 

 

Colégio Anchieta

Escola Projeção

 

Colégio Jesus Maria José

 

 Grupo de Escoteiros

 Escola Classe 46, da EQNL21/23

Centro Educacional 02, o Centrão

Centro de Ensino Fundamental 19

Banda do Corpo de Bombeiros

A Banda da Polícia Militar do DF

(Fotos: Getulio Romão/Mônica Silva )

Depois de dois anos interrompido devido à pandemia da Covid-19, nos 64 anos de Taguatinga, o Desfile Cívico voltou em grande estilo.

Foi o que aconteceu na manhã deste domingo (12/06), quando mais de 200 alunos de escolas públicas e particulares, além de grupos de Escoteiros e a Guarda Distrital Ambiental, desfilaram com garbo e altivez.

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, participou e presidiu a cerimônia. Segundo ele “a realização do desfile foi um momento de pura emoção e alegria”.

Desde que eclodiu a pandemia da Covid-19, em 2020, os desfiles presenciais foram suspensos. O objetivo foi conter a propagação do vírus e preservar a vida da população, explicou o gestor.

Participantes do Desfile

Participaram do desfile o Coral Independente de Taguatinga, formado por pessoas da terceira idade; a Escola Classe 11, de Vicente Pires; a Escola Classe 52, do Setor M Norte; a Escola Classe 46, da EQNL21/23; o Centro Educacional 02, o Centrão; o Centro de Ensino Fundamental 19;

o Colégio Anchieta; a Escola Projeção; o Colégio Jesus Maria José; o Grupo de Escoteiros; e a Guarda Distrital Ambiental.

A solenidade teve início com a Banda do Corpo de Bombeiros Militar do DF executando o Hino Nacional, sob a batuta do maestro, Major Áulus. A Banda da Polícia Militar do DF, também participou sob a direção do tenente Costa Lima.

Venha participar do Desfile Cívico, em comemoração aos 64 anos de Taguatinga.  Você é muito importante.

O viaduto da Avenida Samdu Sul, em Taguatinga, interditado devido às obras de construção do Túnel de Taguatinga, será liberado em agosto para o trânsito de todo tipo de veículo, segundo a Secretaria de Obras. Isso será possível graças ao início da fase externa da construção do túnel.

A etapa de concretagem está sendo concluída e a impermeabilização já conta com a devida proteção mecânica – o que permitirá a liberação do aterro da parte de cima do túnel | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

O secretário de Obras, Luciano Carvalho, afirma que a etapa de concretagem do Túnel de Taguatinga está sendo concluída e a impermeabilização já conta com a devida proteção mecânica – o que permitirá a liberação do aterro da parte de cima do túnel. Ele acrescenta que foi iniciada a instalação das placas de revestimento das paredes.

“A liberação do viaduto da Avenida Samdu vai melhorar significativamente a mobilidade na cidade”Ezequias Pereira, administrador regional de Taguatinga

De acordo com o fiscal da Secretaria de Obras Antônio Carlos Ribeiro, o próximo passo na obra do Túnel de Taguatinga é a concretagem da laje intermediária. Ainda nesta semana, será iniciada a pintura antirraiz na parte externa, segundo o engenheiro Rodrigo Magalhães, da Trier, uma das empresas que trabalham no túnel. Essa pintura, à base de asfalto modificado com aditivos repelentes, forma uma película impermeável para inibir o crescimento de raízes nos revestimentos e estruturas.

20 mil veículos por dia

A Avenida Samdu foi interditada desde o início das obras. Durante o período de interdição foram criadas rotas alternativas, como: quem vai da Samdu Sul para a Norte, segue pela pista ao lado da Feira dos Importados, cruzando a Elmo Serejo e seguindo pela alça do viaduto. Aqueles que seguem para a Elmo Serejo passam pela via marginal do Centro e pelo novo acesso construído. Já quem faz o sentido contrário, seguindo para a Estrada Parque Taguatinga (EPTG), faz o desvio seguindo pela pista de acesso à Avenida das Palmeiras.

Segundo o administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, transitam diariamente pela Avenida cerca de 20 mil veículos. “A liberação do viaduto da Samdu vai melhorar significativamente a mobilidade na cidade”, disse ele.

A Samdu tem sentido único. Corre paralelamente à Avenida Comercial. É uma das principais da cidade, possui três faixas, sem canteiro central, sendo uma pista estreita e reta. O termo “Samdu” vem do antigo “Serviço de Assistência Médica Domiciliar de Urgência” S.A.M.D.U, localizado no início da avenida e que deu origem ao nome.

(Reportagem da Agencia Brasilia)

Na semana passada foi entregue uma nova rotatória aos moradores e motoristas que circulam pela QNJ 7/9, em Taguatinga Norte. 

A medida foi tomada atendendo a uma reivindicação da comunidade local, devido aos elevados  índice de acidentes de trânsito naquela área da cidade.

Com a conclusão da obra, feita pela Administração de Taguatinga, faltava a sinalização horizontal para orientar os motoristas e pedestres. 

Não falta mais: a sinalização foi feita pelo Detran na noite desta terça. (07/06).

Para o administrador Ezequias Pereira, essas e outras obras na cidade, refletem o compromisso do governador Ibaneis Rocha para com a população, “mostrando cada vez mais o empenho dele por uma Taguatinga moderna”.

Desde o início do atual governo, Taguatinga recebeu perto de R$ 350 milhões para investimentos. 

Sem contar o maior empreendimento de mobilidade social da América Latina, o Túnel de Taguatinga, com investimentos adicionais de R$ 275 milhões.

 

 

 

O projeto de revitalização da Avenida Hélio Prates, em sua segunda etapa, numa extensão de dois quilômetros, foi apresentado nesta terça (07/06) pela Secretaria de Obras e Infraestrutura aos setores econômicos e sociais instalados naquela região da cidade.

Participaram da reunião quiosqueiros, ambulantes, donos de postos de gasolina, revendedores de veículos e empresários de uma maneira geral. 

Os empresários ouviram relatos sobre o projeto que, nessa etapa, receberá investimentos de R$ 53 milhões.

No total, quando o projeto estiver finalizado, serão 7,2 quilômetros de asfalto recuperado e outras melhorias.

Ficou definido que as obras começarão pelo Taguacenter e irão até ao Pistão Norte, incluindo a quadras QNG e QI, dentre outras. 

Serão inúmeros os benefícios para a população, como a recuperação da erosão existente no Parque do Cortado, corredor exclusivo do BRT e calçadas com acessibilidade 

A requalificação da Avenida Hélio Prates começou no ano passado, no sentido Ceilândia/Taguatinga. 

Na primeira etapa foram investidos o equivalente a R$ 14 milhões, em obras como ampliação e remodelação de calçadas, novos estacionamentos, pavimentação e paisagismo.

De reunião participaram também representantes das secretaras de Transportes e Mobilidade, Desenvolvimento Urbano e de Governo.

Em entrevista ao programa de Valter Lima, na Rádio Nacional, o administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, destacou a importância da metrópole para a capital federal.

Na conversa descontraída com o apresentador, o gestor lembrou que a cidade foi a primeira a ser criada, ainda em 1958.

O fato aconteceu devido a explosão demográfica que atingiu a capital federal, antes mesmo de sua inauguração.

Ouça, na íntegra, a entrevista pelo link :

https://www.youtube.com/watch?v=DWjQaOfmFP0

Com a presença do administrador Ezequias Pereira, foi lançado nesta terça (07/06), em Taguatinga Norte, na QNL 24, o Programa Mão na Massa. O objetivo é qualificar os operários para as operações de tapa-buracos nas ruas e avenidas da cidade.

O “Mão na Massa”, abrange todas  as 33 regiões administrativas do Distrito Federal. Os serviços de tapa-buracos são realizados pela Novacap durante todo o ano, de acordo com as demandas apresentadas pela população.

De 2019 até abril de 2022, a Usina da Novacap produziu 120 mil toneladas de concreto betuminoso usinado a quente. Equivalente a quase 8 mil caminhões trucados de asfalto.

No início dos trabalhos no Setor QNL, o administrador Ezequias Pereira esteve presente e ficou muito bem impressionado com o que viu.

Ele destacou que “a qualificação de mão-de-obra é passo importante para melhorar os serviços realizados pelo setor público, com mais economia e durabilidade das obras realizadas”.

Para a Chefe da Divisão da Manutenção de Vias, da Novacap, Walquiria Marra, “é importante que os empregados responsáveis pelas operações tapa-buracos nas regiões administrativas realizem as operações de forma correta, seguindo o passo a passo criado, permitindo à população receber um serviço de qualidade e durabilidade”.

Veja o video :

 

Taguatinga faz aniversário, mas quem ganha o presente é a população. Nesta segunda (06/06), foi realizada uma operação tapa-buracos especial no setor QNG, na área norte da cidade

A recuperação do asfalto naquela região foi consequência direta das demandas apresentadas pela população à Ouvidoria da Administração Regional. Foram recuperadas as ruas das QNGs 04, 07, 12, 31 e 37.

Além disso, continuaram as obras de calçadas na QNL 28 e a colocação de meios-fios nas QNLs 20 e 21. 

O administrador Ezequias Pereira lembra que todas as obras em andamento na cidade, sejam elas pequenas, médias ou grandes, tem o apoio do governador Ibaneis Rocha.  

Sem o aval do governador Ibaneis, “não seria possível modernizar a cidade e construir 20 novos estacionamentos, 60 quilômetros de calçadas, nova rede de águas pluviais e a revitalização das praças do DI e do Bicalho”, concluiu.

Tapa-buracos QNGs

 

Construção de calçadas na QNL 28

 

 

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira da Silva, presidiu na manhã desta segunda (06/06) o Momento Cívico, evento que abriu oficialmente a programação dos 64 anos de fundação da cidade.

Serão vários eventos ao longo deste mês, com o encerramento marcado para o Dia Primeiro de Julho, quando será realizado o Baile de Gala da cidade.

Ezequias lembrou que Taguatinga tem importância estratégica no contexto histórico do Distrito Federal, pois surgiu junto com Brasília, nos idos da década de 1960.

Foi a primeira cidade fundada após o Plano Piloto. Surgiu em 1958, em consequência da explosão demográfica que atingiu a nova capital, dois anos antes de sua inauguração.

A festa cívica teve início com a execução do Hino Nacional pela Banda do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF). 

Em seguida, a banda dos bombeiros executou o “Parabéns para você”, numa homenagem não só à cidade, mas também aos seus 250 mil habitantes.

Várias presenças ilustres abrilhantaram a cerimonia, com destaque para os ex-administradores Geraldo César de Araújo e o Bispo Renato Andrade. Além de representantes das Secretarias das Cidades e de Governo.

Em rápidas palavras, Ezequias Pereira destacou que a cidade está em pleno movimento modernizador, graças ao apoio incondicional do governador Ibaneis Rocha. 

Ele lembrou que o governador Ibaneis já liberou quase R$ 350 milhões para a realização de obras de infraestrutura, como a modernização da rede de esgoto e de águas pluviais. 

O ex-administrador, Bispo Renato Andrade, também destacou o apoio do governador Ibaneis Rocha aos taguatinguenses, “transformando nossa cidade em uma metrópole moderna, com mais e melhor qualidade de vida para os seus moradores”.

Houve o tradicional corte do bolo em comemoração ao aniversário, o que não acontecia há dois anos, devido às restrições impostas pela pandemia da Covid-19.

Compareceram ao Momento Cívico, várias lideranças comunitárias e empresariais. Em nome das lideranças comunitárias discursou Gilvando Gomes, da QNL, e o Coordenador Regional de Ensino, Murilo Marconi, representou os educadores. Houve também a participação do jornalista e pioneiro, Getúlio Romão Campos; Clara Gonçalves Costa, pedagoga; Viviane Muniz de Oliveira, do Colégio Saber; Gilvan Afonso, do Brasília Em Foco News; Fernando Nascimento, do Solar Brasília; Dinorá Couto, da Biblioteca Braille de Taguatinga; Elton Walcacer, Coordenador do Programa GDF Presente; Pastor Noé Barros, da Igreja Adventista do Setor Primavera; Gil Japoranga, da Rádio Atividade; Nilson Gregório, do Grupo de Escoteiros de Taguatinga; e Euler Roberto, representando o Detran; e o Coronel Luiz Santana, do Corpo de Bombeiros Militar do DF.

 

 Na manhã deste domingo (05/06) foram realizadas as corridas de 10K e 5k, para adultos, no Pistão Sul. O evento contou com o apoio da Administração Regional de Taguatinga. 

O administrador da cidade, Ezequias Pereira da Silva, esteve presente e participou intensamente das atividades, dando o sinal para a largada da corrida.

Promovida pela empresa Bruno Atleta, especializada nesse tipo atividade desportiva, a festa fez parte das comemorações dos 64 anos de Taguatinga.

Para Ezequias Pereira, eventos desse tipo incentivam a prática de esportes tanto para adultos quanto para crianças, o que é saudável. 

Houve a participação de pelotões do Exército, da Aeronáutica e do Corpo de Bombeiros. A Banda da Aeronáutica esteve presente e fez a execução solene do Hino Nacional.

Satisfeito com a participação do público nas duas corridas, o empresário Bruno lembrou que, no dia 10 de julho próximo, haverá uma grande festa. 

Será realizada a Meia Maratona, a primeira desse tipo em Taguatinga, em referência ao grande projeto que é o Túnel de Taguatinga.

Pelo menos 1 mil e 300 atletas, de Brasília e da região do Entorno, participaram da corrida. Um recorde, nesse tipo evento. E, para as crianças, na área Kids, teve pipoca e muitos brinquedos.

Com a participação de mais 600 pessoas, amantes do ciclismo em nossa cidade, foi dado o pontapé inicial das festividades dos 64 anos de Taguatinga. Foi realizado na manhã deste sábado (04/06) o Passeio Ciclístico, tendo como ponto de partida a Praça do DI.

O evento teve o apoio da Administração de Taguatinga, com a participação na do Coordenador Geral, Ronaldo Costa. Ele representou o Administrador Regional, Ezequias Pereira da Silva, impossibilitado de comparecer ao evento.

Segundo ele, esse tipo de atividade “é importante para incentivar a prática de esportes tanto de jovens quanto de adultos”.

Os ciclistas tiveram como ponto de concentração a Praça do DI, na Loja Adrenalina, especializada em venda de acessórios para bicicletas, e promotora da Corrida Ciclística. 

Eles percorreram parte do Pistão Norte, passando pela Flona, e retornaram ao ponto de partida, na Praça do DI. 

Ronaldo Costa aproveitou a oportunidade e convidou toda a população de Taguatinga para prestigiar os eventos comemorativos dos 64 anos da cidade, que irão acontecer ao longo deste mês.

Neste domingo, a partir das 7h da manhã, tem outro evento esportivo: a Corrida 4k, promovido pela empresa Bruno Atleta, com partida no Pistão Sul, nas proximidades do Taguatinga Shopping.

Nesta segunda (06/06), em frente à Administração Regional, haverá o Momento Cívico, com hasteamento da Bandeira Nacional e execução do Hino Nacional.

 

 

Taguatinga nasceu da vontade que brasileiros vindos de todos os cantos do país tinham de fazer parte da construção de Brasília. Fundada em 5 de junho de 1958, a cidade é dois anos mais velha que a capital federal e, por isso, é conhecida como cidade-mãe. Neste domingo (5), completa 64 anos e presenteia a população, entre pioneiros e novos moradores, com obras e investimentos em infraestrutura.

O GDF investe mais de R$ 322 milhões em obras viárias para melhorar o tráfego de motoristas e pedestres pelas ruas, esquinas e avenidas de Taguatinga. Só no túnel que vai agilizar a viagem entre o Plano Piloto e Ceilândia, como parte do Corredor Eixo Oeste, estão sendo aplicados mais de R$ 275 milhões | Foto: Lúcio Bernardo Jr/Agência Brasília
“Taguatinga é mãe de Brasília, mas também de Vicente Pires, Águas Claras, Samambaia. Essas cidades saíram de dentro de Taguatinga e, com a criação das novas RAs (regiões administrativas), a cidade não teve mais como expandir verticalmente. Taguatinga, então, se consolidou como referência em comércio e estrutura no DF. Hoje, é uma cidade que recebe gente de todos os lugares e os cuidados do governo são para manter esse desenvolvimento”, alega o administrador regional de Taguatinga, Ezequias Pereira.

O Governo do Distrito Federal (GDF) reverteu mais de R$ 322 milhões em intervenções para melhorar o tráfego de motoristas e pedestres pelas ruas, esquinas e avenidas da região administrativa. O destaque pode ser atribuído ao Túnel de Taguatinga, maior obra viária em andamento no Brasil.

São R$ 275,7 milhões em investimentos para entregar uma passagem de 1.010 metros de extensão com duas vias paralelas, cada uma com três pistas de rolagem em cada sentido. A obra vai agilizar a viagem entre o Plano Piloto e Ceilândia, como parte do Corredor Eixo Oeste.

As obras na Avenida Hélio Prates estão divididas em três etapas. O trecho da via em Taguatinga prevê a ampliação e a remodelação de calçadas, reordenamento e pavimentação de estacionamentos, implantação de ciclovia, paisagismo e mobiliário urbano | Foto: Paulo H Carvalho/Agência Brasília
Outro integrante do complexo viário é o viaduto da Estrada Parque Taguatinga Guará (EPTG) e da Estrada Parque Contorno (EPCT/DF-001), que recebeu R$ 5,155 milhões para o alargamento das vias. O trecho foi inaugurado em fevereiro de 2020 e emprega 2 mil metros cúbicos de concreto e 220 toneladas de aço. Com a intervenção, os motoristas podem trafegar por 11 faixas, cinco no sentido Plano Piloto e quatro no sentido Taguatinga, além de duas exclusivas para ônibus.

Há ainda a reforma da Avenida Hélio Prates. O trecho receberá melhorias em três etapas: a primeira localiza-se em Ceilândia e já foi finalizada, as outras duas são em Taguatinga. O aporte para o trabalho executado na cidade aniversariante deste domingo é superior a R$ 53 milhões e deve gerar mais de mil empregos diretos e indiretos.

A intervenção prevê a ampliação e a remodelação de calçadas, reordenamento e pavimentação de estacionamentos, implantação de ciclovia, paisagismo e mobiliário urbano e execução de obras no Parque Ecológico do Cortado, com implantação de lagoas de detenção e solução para contenção de erosão junto ao mirante da unidade.

Está em andamento também a elaboração e readequação dos projetos executivos de drenagem de Taguatinga, nas áreas de contribuição de 18 bacias de detenção. Conhecido como Drenar Taguatinga e parado há mais de 10 anos, o projeto foi retomado na atual gestão com investimento de R$ 2,8 milhões.
Histórias, raízes e memórias

Luiz Morais, que atualmente mora no Recanto das Emas, não esquece os tempos que viveu na cidade: “Fico aqui, sentado, conversando com o pessoal. Às vezes passo nas lojas, caminho pelas ruas ou então só fico vendo o movimento mesmo. Tenho muita saudade de Taguatinga, foi bom demais morar aqui. Quem sabe um dia eu volto” | Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília
A caminho de consagrar-se como septuagenária, Taguatinga está entre as cidades mais cotadas pela população do DF para moradia. O dado foi revelado na Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (Pdad) de 2021, realizada pela Codeplan. Do total dos participantes do estudo, 10,9% indicaram que têm interesse em morar na região aniversariante, atrás apenas de Ceilândia, que é preferência para 14,5% dos entrevistados.

Luiz Morais, 72 anos, sonha com a volta para a querida Taguatinga. Nascido no Piauí, ele veio para o DF em 1995 em busca de trabalho e lá ficou até o começo de 2020, quando teve que se mudar por motivos financeiros. Agora morando no Recanto das Emas, sempre que pode passeia pelo centro da cidade.

“Fico aqui, sentado, conversando com o pessoal. Às vezes passo nas lojas, caminho pelas ruas ou então só fico vendo o movimento mesmo. Tenho muita saudade de Taguatinga, foi bom demais morar aqui. Quem sabe um dia eu volto”, conta o aposentado.

Getúlio Romão, que viu Taguatinga crescer, amadurecer e se consolidar, reuniu em um livro 770 fotografias autorais e relatos de todos os administradores de Taguatinga até 2016 | Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília
Fotógrafo e corretor de imóveis, Getúlio Romão, 77 anos, registrou, com os olhos e lentes, os momentos históricos que fazem parte de Taguatinga. Ele e a família chegaram à cidade em 1960, envolvidos com a construção da nova capital federal e, dois anos depois, começaram a fotografar o que acontecia na cidade. Pioneiro, Getúlio se tornou um personagem na história de Taguatinga: viu a cidade crescer, amadurecer e se consolidar.

Décadas após a chegada à cidade, ele não tem planos de sair. “Estou enraizado profundamente. Mas, os filhos já estão arranjando o que fazer. Tenho um filho e dois netos no Canadá que não vejo há dois anos. Então, os filhos não ficam, mas eu fico”, pontua o desbravador da cidade, que reuniu em um livro 770 fotografias autorais e relatos de todos os administradores de Taguatinga, até 2016.

Estrutura

A Praça do Relógio e outros pontos de convivência da comunidade também entraram na lista de prioridades do GDF nos últimos três anos. No ponto histórico, dentro do projeto do Túnel de Taguatinga, será totalmente reurbanizada, com reforma dos canteiros e espelho d’água, bem como reconstrução do piso e das rampas de acesso.

A Praça do Bicalho passou por reformas no piso, na quadra poliesportiva e no estacionamento. Também do lado norte da cidade, foi finalizada a primeira etapa dos serviços da Praça do DI, que incluiu a instalação de piso de cimento usinado e redirecionamento de pedras portuguesas. Ainda neste ano, no mesmo local, será iniciada a segunda fase do processo, com melhorias nos equipamentos de lazer e desporto e das áreas vizinhas.

Já a Praça da Vila Mathias, em Taguatinga Sul, passou recentemente por ações do GDF Presente, programa distrital que executa serviços em todas as regiões administrativas. Lá, foram trocadas as traves do gol e os alambrados da quadra poliesportiva, além da limpeza e capina do espaço. O programa também promoveu a recuperação e construção de calçadas, meios-fios e outros itens por toda a cidade.

Educação, saúde e segurança

O GDF ainda investiu em educação, saúde e segurança desde 2019. Por meio de recursos do Programa de Descentralização Administrativa e Financeira (Pdaf), foram entregues a Escola Classe (EC) 52 e o Centro de Ensino Infantil (CEI) 10, ambos em Taguatinga.

Leia também

GDF Presente reforma quadra poliesportiva e calçadas em Taguatinga

Taguatinga recebe caminhada contra o tabagismo
A EC 52 foi inaugurada em abril de 2022, com 19 salas de aula, 4.464,82 m² de área construída e capacidade de atendimento de até 1.254 estudantes do 1° ao 5° ano do ensino fundamental, em dois turnos. O novo espaço, com área construída de 4.464,82 m², recebeu R$ 8,033 milhões.

No mesmo mês, houve a entrega do CEI 10, com capacidade para atender 220 alunos de 4 e 5 anos em dois turnos. A escola foi construída em uma área de 700 m², com cinco salas de aula e uma ala administrativa, além de cantina, refeitório, despensa, banheiros, pátio de recreação e estacionamento. O aporte total foi de R$ 2 milhões.

Desde 2019 há também cuidado com a saúde e a segurança pública. Em fevereiro de 2021, o GDF adquiriu um posto-base do Samu para atendimentos de emergências e, em setembro de 2020, ampliou o atendimento de emergências no Hospital Regional de Taguatinga.

(Reportagem da Agência Brasília)

Por iniciativa do deputado Reginaldo Veras (PV), a Câmara Legislativa (CLDF) realizou nesta sexta (03/06), Sessão Solene comemorativa dos 64 anos de fundação da cidade. 

Convidado de honra para o evento, o administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, destacou a importância da iniciativa. Vários taguatinguenses históricos foram lembrados e receberam moções de louvor.

 Lembrou Ezequias ser a cidade “fruto do espírito empreendedor do ex-presidente Juscelino Kubitschek. Ele trouxe o progresso e o desenvolvimento para o Centro-Oeste do país, nos idos da década de 1950”.

Veras explicou que os fundadores de Brasília, Oscar Niemayer e Lúcio Costa, sob a batuta do ex-presidente Kubitschek, “viveram a ilusão de que a nova capital do país seria formada apenas por servidores públicos”. 

Ledo engano, destacou, “sonho dos nordestinos e de pessoas de varias outras de outras regiões do Brasil, acabou exigindo a construção de novas cidades, e Taguatinga foi a primeira delas.

Para Ezequias Pereira, tudo começou com a construção de Brasília, feito extraordinário do ex-presidente Juscelino. “Taguatinga é consequência desse sonho que se transformou em agradável realidade”.

 No Governo Ibaneis, concluiu, a “cidade está sendo reconstruída, com asfalto novo, 20 novos estacionamentos e requalificação das Praças do DI e do Bicalho''. Sem falar no Túnel de Taguatinga, a maior obra de mobilidade social do País.

O ex-administrador, Bispo Renato Andrade, foi um dos homenageados na Sessão Solene. Contudo, ele não pode comparecer por estar acometido de forte gripe. Foi lida, pelo cerimonial da Casa, uma nota dele dirigida ao deputado Reginaldo Veras.

Disse Bispo Renato: “Deixo aqui minha gratidão pois você é, além de um amigo, um dos deputados que mais investiu recursos, por meio de suas emendas parlamentares, para a nossa Taguatinga”.

Mais uma obra concluída.  Nesta semana o Detran realizou a sinalização das ruas nas proximidades do HRT e do Fórum, em Taguatinga Norte.

O recapeamento asfáltico naquela região já foi realizado, mas a recuperação das ruas e avenidas da cidade continue com ações da Novacap e o DER.

As máquinas do GDF continuarão em Taguatinga até o final do ano, por orientação expressa do governador Ibaneis Rocha. Isso para garantir asfalto novo em todos os pontos da cidade.

Até agora, afirmou o administrador Ezequias Pereira, a cidade recebeu mais de 20 quilômetros de asfalto novo.

 “E queremos dobrar essa quantidade para a felicidade dos motoristas e pedestres de nossa cidade”, concluiu.

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) fará nesta sexta (03/06), uma Sessão Solene em homenagem aos 64 anos de Taguatinga. 

O administrador Ezequias Pereira é convidado de honra do evento, que acontecerá no plenário daquela Casa Legislativa às 10h da manhã.

Para Ezequias Pereira, a iniciativa do deputado Reginaldo Veras (PV), autor da proposta, “representa o reconhecimento da grandeza e da importância social e econômica de Taguatinga para o Distrito Federal”.

Durante a Sessão Solene serão entregues moções de reconhecimento a várias personalidades pelos serviços prestados a Taguatinga. Dentre elas o ex-deputado e mímico Miquéias Paz e a professora Holanda Lopes. 

O ex-administrador de Taguatinga, Bispo Renato Andrade, será uma das lideranças a serem homenageadas. Ele exerceu a função por 18 meses, de setembro de 2020 a março de 2022.

Dentre os convidados estão o presidente da Associação Comercial e Industrial de Taguatinga (ACIT), Justo Magalhães, e o Coordenador da Regional de Ensino, Murilo Marconi Rodrigues.

Veja algumas obras  :

 

Nesta quarta (01/06), por meio do programa GDF Presente, sob a responsabilidade da Novacap, foram realizados serviços de terraplenagem em ruas do Setor Primavera, nas Chácaras 28 A e 28 B.

O Setor Primavera está em processo de regularização fundiária, por estar situado em área de interesse social, num total de 60,58 hectares e uma população de 3 mil e 500 habitantes.

Ao mesmo tempo, está em fase final a construção de um estacionamento público na Avenida Comercial, na QND 27, em Taguatinga Norte. Serão liberadas 10 novas vagas para veículos.

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, lembra a importância das ações no Setor Primavera. Além da regularização fundiária, que agora ganhará mais rapidez, terminando com uma espera de 11 anos.

 

Estacionamento da QND 27

As vésperas de completar 64 anos de existência, Taguatinga continua sendo um verdadeiro canteiro de obras. Nesta terça (31/05), por exemplo, foram várias e importantes ações. 

Uma delas, o recapeamento asfáltico feito nas ruas da QNL 21, Conjunto C, em ação da Novacap.

Para o administrador da cidade, Ezequias Pereira, as obras atendem prioridades e reivindicações específicas da população, “com apoio irrestrito do governador Ibaneis.”

 O caso mais simbólico é o recapeamento asfáltico do Pistão Sul, “uma demanda de décadas que só agora, no atual governo está resolvendo”.

Ainda nesta terça, foram realizadas operações de tapa-buracos no Setor H Norte, além da continuidade das obras do estacionamento da QND 27.

Uma nova pintura foi aplicada nas dependências da Praça do Relógio, que, a propósito, será totalmente revitalizada ainda no decorrer de 2022, com investimentos de até R$ 5 milhões.

Recapeamento Asfáltico QNL 21

Praça do relógio

Tapa-buraco

 

 

 

 

 

 

No próximo dia 05 de junho Taguatinga completará 64 anos de fundação. E a cidade tem muito a comemorar.

Nos últimos três anos, na gestão do Governo Ibaneis, os investimentos superaram a R$ 400 milhões.

São 20 novos estacionamentos, 20 quilômetros de asfalto novo e 60 quilômetros de novas de calçadas 

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, destaca que  “a mais importante cidade do DF está em um vertiginoso processo de modernização".

Ele destacou a construção do Túnel de Taguatinga, obra gigantesca com investimentos superiores a R$ 275 milhões”.

A programação é variada, contemplando a recuperação da autoestima do taguatinguense. Será um mês de grandes eventos para cidade. 

Haverá o Passeio Ciclístico de Taguatinga, que acontecerá no dia 04; o tradicional Momento Cívico, na manhã de domingo, dia 06; e o Desfile Cívico, com a participação de alunos de escolas públicas e privadas.

Veja, abaixo, na íntegra, a programação do aniversário da cidade, no decorrer do mês de junho:

 

 

Depois de uma reunião entre o Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, e lideranças comunitárias do Setor L Norte, foi cancelada a Audiência Pública que seria realizada nesta segunda (30/05), às 15 horas, no auditório da Administração.

Participaram da reunião os líderes comunitários Gilvando Gomes, Carlos Roberto e Carlos Costa. A Audiência Pública iria tratar da construção de dois estacionamentos na QNL 03, em Taguatinga Norte. 

Com o adiamento, haverá mais tempo para um amplo debate sobre a questão.

As obras do Túnel de Taguatinga avançam de forma acelerada, com todos os cuidados relacionados à segurança dos 1.200 operários que ali atuam. 

Em mais uma visita guiada ao túnel, o administrador da cidade, Ezequias Pereira, foi informado do início, nesta semana, do processo de impermeabilização das paredes laterais, nas passagens subterrâneas.

Na visita desta quinta (26/05), estiveram presentes lideranças empresariais e comunitárias. Para o presidente dos associados da Feira dos Importados de Taguatinga, Orlando Passos, com o término das obras do túnel, o “movimento vai aumentar e melhorar as vendas, beneficiando consumidores e feirantes”.

Já o  presidente do Sindicato dos  Delegados de Polícia do DF, Rafael Sampaio, esteve pela primeira vez visitando as obras do túnel. E ficou impressionado com o que viu: “realmente é um projeto grandioso que vai beneficiar milhares de motoristas do eixo Taguatinga, Ceilândia e Samambaia”.

O Túnel de Taguatinga tem 1060 metros de extensão, sendo 830 metros de área coberta. Está com 70% de sua área construída, com investimentos de R$ 275 milhões.

Lembra Ezequias Pereira que a “obra é monumental, a maiordo país  em termos de mobilidade social, onde serão utilizadas oito milhões de toneladas de aço”. 

Em breve, no centro da cidade, diz ele, os mais de 100 mil motoristas que trafegam pelo local terão um trânsito racional e seguro.

Serão colocadas quatro mil placas cimentícias por mês, nas paredes laterais das passagens subterrâneas. 

A revitalização da Avenida Hélio Prates, em sua segunda etapa, numa extensão de 2 quilômetros, começará nos próximos dias. No momento, está sendo montado um grande canteiro de obras, ao lado da sede Associação Comercial e Industrial de Taguatinga (ACIT).

Nessa etapa serão investidos R$ 53 milhões, num trecho que compreende a QNG/QI 1 e a Estrada Parque (DF-001) – Pistão Norte. Antes do novo asfalto serão construídas duas bacias de detenção de água: com 11 mil m3 e 22 mil m3, respectivamente.

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, visitou o canteiro de obras e destacou que “o projeto vai modernizar a via de ligação Ceilândia-Taguatinga, dando segurança, conforto e lazer aos motoristas e pedestres”. 

Serão feitas a ampliação e a remodelação de calçadas, incluindo acessibilidade e travessias. Haverá, também, reordenamento e pavimentação de estacionamentos públicos.

Outras mundaças aconteceram, como a implantação de pavimentação rígida; corredor exclusivo para BRT; ciclovia; paisagismo; e novo mobiliário urbano. Além de obras no Parque Ecológico do Cortado.

Mais de 30 quadras serão beneficiadas nessa etapa. São elas: QNG, CNG6; CNG5; CNG1; CNGG2; QNG25; QNG10;; QNG9; QNG1; QI1; QNE35; QNE33; QNE31; QNE29; QNE27; QND47; QND48; QND49; QND50; QND51; QND52; QND53; QND54; QND55; QNDD56; QND57; QND58 E QND 59.

Com a missão de transformar vidas por meio da educação profissional, o Senac-DF está com novo edital do Programa Senac de Gratuidade (PSG) aberto. São mais de 3 mil vagas disponíveis em 75 cursos gratuitos de qualificação.

Entre as áreas ofertadas estão: Moda; Beleza; Gastronomia; Administração; Tecnologia da Informação e muito mais.

O prazo para inscrição vai até o dia 26 de maio, ou até todas as vagas serem preenchidas. Para participar, é necessário acessar o link: https://www.df.senac.br/inscricao-psg/.

Saiba mais: df.senac.br

O governador Ibaneis Rocha lançou nesta terça (24/05), o programa “Luz que Protege”, voltado para as regiões de Taguatinga, Ceilândia, Sol Nascente e Pôr do Sol. O objetivo principal é substituir todas as 60 mil lâmpadas de iluminação pública por LED, até o final de 2022.

 Presente ao lançamento do programa, o Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, elogiou mais essa iniciativa do GDF. Isso porque “as lâmpadas de LED, além de ser 40% mais econômica, ampliam de forma considerável a luminosidade das vias, dando mais segurança ao cidadão”.

O investimento previsto para a modernização da iluminação pública das três regiões administrativa é de R$ 40 milhões. 

Em Taguatinga, por exemplo, a CEB Iluminação já está trocando as lâmpadas tradicionais pelo modelo LED.

Com o novo programa será acelerada a modernização da iluminação pública da cidade, trazendo grande benefício à população.  

Lembra Ezequias Pereira que os estudos realizados pelo GDF indicam que a melhoria na iluminação pública tem contribuído para reduzir os índices de violência – assalto e roubo -, no período noturno. 

Dessa forma, “além de um sistema moderno de iluminação, o cidadão comum pode sair à noite com mais segurança, sem medo de ser feliz”.

Teve início, na manhã desta segunda-feira (23), mais uma etapa da obra do Túnel de Taguatinga. Trata-se da colocação das primeiras placas cimentícias nas paredes laterais das passagens subterrâneas Norte e Sul. Além de esteticamente mais atraente, o moderno revestimento promete melhorar a acústica do trajeto de pouco mais de 1 km e propiciar melhor ventilação.

Uma média de 4 mil metros quadrados de placas cimentícias serão assentadas por mês no Túnel de Taguatinga | Fotos: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

“É um material que resiste às intempéries do tempo, recebendo bem tanto calor quanto chuva, além de ser ignífugo, ou seja, não pegar fogo”, explica Carlos Bukowski, engenheiro civil e um dos sócios da NTC Construções, empresa responsável pelo serviço.

O engenheiro Carlos Bukowski explica que o material utilizado nas placas é ignífugo, ou seja, não pega fogo

Ao todo, serão aproximadamente 20 mil metros quadrados de revestimento dos dois lados das galerias, com uma média de 4 mil metros quadrados assentados por mês. O que, na ponta do lápis, corresponde a cerca de 7 mil peças utilizadas. “Essa é uma estimativa que vai depender da evolução da obra”, avalia o engenheiro civil da NTC. “Mas podemos aumentar a produção com mais pessoal”, prevê o especialista.

Atualmente, uma dezena de operários trabalham nesta fase dos serviços, que conta com a ajuda de uma plataforma articulada, espécie de miniguindaste que tem capacidade para receber três operários que fazem um trabalho minucioso de assentamento do material. A previsão é que 500 mil parafusos sejam usados para pregar todo esse material ao longo das quatro paredes dos dois túneis.

Até o momento, já chegaram ao canteiro de obras cerca de 7 mil metros quadrados de placas vindas diretamente da cidade paulista de Capivari. Uma nova remessa do produto deve chegar ao local ao longo desta semana. O material desembarca em Taguatinga em pesados caminhões bitrens. Cada peça tem a metragem de 1,2 m por 2,4 m e é fixada mecanicamente com parafusos. É um trabalho de detalhes para uma obra gigantesca.

Sem dúvida, é mais um avanço importante dessa grande obra que é a construção do Túnel de Taguatinga; já temos o modelo da paginação que será usado no local”, comenta o engenheiro civil da Secretaria de Obras e Infraestrutura do DF, Antônio Carlos Ribeiro Silva. “A cada etapa vai surgindo uma alteração que contribui para a evolução da obra”, emenda.

(Reportagem da Agencia Brasilia) 

O Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, visitou a construção de uma rotatória, na QNJ 07/09, em Taguatinga Norte. Ao fazer a inspeção, o gestou lembrou que o local enfrentava muitos acidentes de trânsito, prejudicando pedestres e motoristas.

Para Ezequias, o projeto se transformou em realidade graças às manifestações dos moradores e motoristas que transitam pelo local diariamente.

Com a mudança, explicou ele, haverá benefícios para motoristas e pedestres. Séra feito um reordenamento do trânsito, reduzindo acidentes e melhorando a vida dos pedestres.

Todas essas melhorias são consequência do apoio irrestrito do governador Ibaneis Rocha à população de Taguatinga, com investimentos superiores a R$ 500 milhões desde 2019.

Veja video :

A pista exclusiva do BRT que abrange o Túnel de Taguatinga está sendo preparada. Em meados de maio, foram iniciados os trabalhos de impermeabilização e compactação da pista que passará pelo boulevard e de fundação da rampa do BRT a ser erguida na laje de fundo, próximo à Feira dos Importados da região administrativa. Ao todo, serão 1.060 metros de extensão.

Trabalhos de impermeabilização e compactação da pista exclusiva para o BRT no Túnel de Taguatinga são fundamentais para preparar o terreno para a pavimentação | Fotos: Renato Araújo/Agência Brasília

O trabalho é feito em partes. Dos 13 mil metros quadrados de laje a serem impermeabilizados na parte inicial da obra, a cargo da empresa Trier, 4 mil metros quadrados já foram feitos. O processo consiste na limpeza da cobertura, aplicação do primer (espécie de tinta preta com cola que dá aderência para as placas de manta asfáltica) e da proteção mecânica para ser feita a cobertura com a manta asfáltica.

“Depois desse concreto de proteção, fazemos o reaterro, em que você regulariza o fundo e faz a compactação a partir do lançamento da terra que sai da escavação invertida, espalha o material, corrige a umidade e fecha o trecho”, explica o engenheiro da Trier, Renis Candido Lima.

Fundação da rampa do BRT a ser erguida na laje de fundo, próximo à Feira dos Importados | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

A compactação é feita em camadas de 20 centímetros em 20 centímetros. Aproximadamente 160 metros já contaram com o serviço. Os dois tipos de trabalho são fundamentais para a preparação do terreno para que seja iniciada a pavimentação do piso do BRT, que será em concreto rígido.

Rampa do BRT

Na outra extremidade da obra do Túnel de Taguatinga, é feita a fundação da rampa do BRT. Estão sendo erguidos blocos e pilares de sustentação. “Estamos ali fazendo a fundação do viaduto onde terá acesso o BRT. Vamos iniciar os pilares para, assim, poder liberar a avenida Samdu e atacar os trabalhos de terraplanagem”, revela o mestre-geral da obra da empresa Eterc, Carlos Miguel Sidreira.

O BRT que passará pela laje do Túnel de Taguatinga integra o projeto do Corredor Eixo Oeste, composto por 38,7 quilômetros de faixas exclusivas para o transporte público em vias do DF, fazendo a ligação entre o Plano Piloto e o Sol Nascente/Pôr do Sol. Além do Túnel de Taguatinga, fazem parte trechos da Estrada Parque Taguatinga Guará (EPTG), Estrada Parque Setor Policial Militar (ESPM) e Estrada Parque Indústrias Gráficas (Epig).

As obras em Taguatinga não param. Continua a fresagem (retirada do asfalto velho) e a colocação de nova massa asfáltica no setor QNC, em Taguatinga Norte, nas ruas vizinhas ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT).

O administrador da cidade Ezequias Pereira, lembra que, na gestão do governador Ibaneis Rocha, Taguatinga recebeu 25 quilômetros de asfalto novo.

E investimentos de R$ 5 milhões com destaque para áreas como o Pistão Sul, quadras da QNL, Setor de Oficinas Sul, dentre outras ruas e avenidas.

 No caso do Setor QNC, explica o gestor, “área muito importante para a cidade, além do recapeamento asfáltico, serão criados dois bolsões de estacionamento, com 60 novas vagas para veículos.“ E, dentro de 10 dias, começa a segunda etapa da revitalização do asfalto da Avenida Hélio Prates.

Veja o Video :

 

A Caesb, atendendo a uma solicitação do administrador Ezequias Pereira, fez uma inspeção num trecho do sistema de esgoto e de escoamento de águas pluviais na Feira dos Goianos, em Taguatinga Norte.

Uma equipe de manutenção da empresa esteve numa das áreas da Feira dos Goianos e identificou que a rede de esgoto está retendo resíduos, ocasionando o acúmulo de esgoto e gerando gás.

Os técnicos, tendo em vista a situação encontrada, decidiram pela lavagem do trecho da rede coletora de esgoto, para que o fluxo volte a fluir normalmente pela rede, reduzindo ou eliminando todo mal cheiro.

A Caesb verificou ainda que a rede de águas pluviais também está acumulando resíduos e água, gerando mal cheiro. Nesse caso será necessário que a Novacap faça a lavagem da rede.

O gestor agradeceu a rapidez da Caesb no atendimento da demanda, cujo problema foi identificado no início desta semana, quando de uma visita de trabalho de Ezequias Pereira à tradicional Feira dos Goianos.

Depois de dois anos suspensa, a tradicional Festa de Pentencostes, que celebra a descida do Espírito Santo aos apóstolos, 50 dias após a Pascoa, voltará a ser realizada no Taguaparque. A festa acontecerá entre os dias 03 e 05 de junho.

 Nesta sexta (20/05), o administrador da cidade, Ezequias Pereira, e toda sua equipe técnica, manteve encontro com representantes do Centro de Evangelização Renascidos em Pentencostes, responsável pela realização do evento. Além de outros órgãos do GDF.

Neste ano, segundo os organizadores, mais de 1 milhão  pessoas deverão comparecer à tradicional festa religiosa. 

Ezequias Pereira explicou que a reunião foi para definir aspectos importantes para a realização da festa. 

Foram analisadas questões como a segurança dos pedestres, local onde se concentrarão os fiéis e para estacionar veículos, dentre outras questões operacionais.

Um dos pontos principais avaliados na reunião foi a necessidade de preservação do meio ambiente e do patrimônio ali existente. 

Sempre, em eventos desse porte, ocorrem atos de vandalismo e de falta de educação ambiental.

Ezequias destacou ainda a importância do evento, não só para a comunidade católica, mas para todos os cristãos. 

“É a forma de relembrarmos o sacrifício de nosso Senhor Jesus Cristo para salvar a humanidade”, lembrou.

Desde quinta (12/05) que uma equipe do GDF Presente, em parceria com a Secretaria de Administração Penitenciária (Seape), por meio do projeto Mãos Limpas, tem feito a demarcação do estacionamento e da área restritiva às pessoas que comparecerão ao Taguarque no dia da festa.

Continuam as obras em vários pontos de Taguatinga. Nesta semana, por exemplo, o DETRAN fez a sinalização horizontal no Setor QSE, após recapeamento asfáltico.

A equipe de serviços da Novacap executou obra de fresagem e recapeamento asfáltico no Setor QNC, próximo ao HRT, em Taguatinga Norte.

E, ainda, está sendo construída uma nova rotatória entre a QI e a QNJ, também em Taguatinga Norte. 

Para o administrador, Ezequias Pereira, são intervenções do GDF que atendem às demandas da população, dando mais segurança tanto aos motoristas quanto aos pedestres.

Faixa de Pedestre/Setor QSE

Recapeamento asfáltico no Setor QNC

Rotatória entre a QI e a QNJ

Representantes da Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF) apresentaram nesta quarta (18/05), durante encontro com o administrador Ezequias Peeira, o projeto Trilha + Segura. 

A implementação do programa, que vai atender adolescentes em situação de vulnerabilidade social e criminal, deverá acontecer em Taguatinga no final de 2022.

Um dos principais objetivos do projeto, segundo a Secretaria de Segurança, é sensibilizar as famílias dos adolescentes para maior participação na vida dos jovens e facilitar a inclusão dos mesmos no mercado de trabalho.

Ezequias Pereira explicou que a Administração Regional “apoia e colocara  toda a estrutura disponível para que o projeto, de importância estratégica, evite que os jovens trilhem o caminho da criminalidade”.

O objetivo da SSP-DF é que o projeto Trilha + Segura seja implementado por etapas, no atendimento psicossocial dos adolescentes e suas famílias. 

Visa criar, também, as condições necessárias para a inclusão dos jovens em oficinas profissionalizantes, monitorando a participação dos adolescentes nessas atividades.

O público alvo do projeto são os adolescentes que pratiquem, pela primeira vez, atividades criminosas como tráfico, posse de drogas e furto. 

Inicialmente foram escolhidas dez cidades, dentre elas Taguatinga, com um núcleo de 30 jovens por cada região.

Começa nesta quarta-feira (18/05) a Campanha Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infantil, no Brasil. É o #maiolaranja.

#maiolaranja é uma inciativa que visa dar visibilidade a este assunto.

O sonho é ver esta data e este mês fixados na memória de cada brasileiro não somente em 2022, mas todos os anos.

Para o administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, essa campanha tem importância estratégica.

Segundo ele, “é imperioso, necessário e urgente proteger nossas crianças contra o abuso sexual, uma praga dos tempos atuais”.

É uma campanha de conscientização. E, sendo assim, para combater qualquer problema é necessário conhecê-lo.

Cada vez mais é necessário discutir e provocar conversas sobre a violência sexual contra crianças e adolescentes no Brasil.

A obra do Túnel de Taguatinga segue avançando. Teve início a etapa final de concretagem da laje de 1 metro de espessura da chamada fase 2, local por onde passava o viaduto da Samdu e que dará lugar à nova travessia da avenida. Estão sendo utilizados 630 metros cúbicos de cimento para finalizar os dois módulos da parte norte, acelerando os trabalhos para a pavimentação da travessia da Avenida Samdu.

Após a instalação das duas lajes, terá início o processo de cura, para reforçar a resistência do material | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

60caminhões são utilizados nos trabalhos de concretagem

O serviço é feito em 60 metros de extensão, espaço dividido em duas etapas, devido à liberação de calor do concreto. A primeira começou nesta terça-feira (17) com a concretagem de 50 cm. Na quinta-feira (19), o trabalho será retomado, com mais 50 cm de concretagem. Para essas atividades, que duram cerca de 14 horas a cada dia, estão sendo utilizados 60 caminhões.

“É um volume bem grande”, explica a engenheira de planejamento da Secretaria de Obras, Giovana Assis Heldes. “São duas lajes grandes e maciças. Após a finalização da concretagem, temos o processo de cura, que consiste em ficar jogando água na laje para reagir com o concreto e adquirir resistência”. Esse processo dura mais três dias.

Em seguida, serão feitas impermeabilização, regularização, drenagem e aterro para que possa ter início o trabalho de pavimentação, com o objetivo de devolver a pista para a circulação de carros.

A emissão de licença ambiental é uma das importantes etapas em qualquer obra a ser feita. No caso do Túnel de Taguatinga isso não é diferente. A Licença Ambiental Simplificada (LAS) foi emitida porque os trabalhos seguiram rigorosamente cada quesito para que a estrutura pudesse ser construída.

 

“A obra atende todas as condicionantes do órgão ambiental, que vem a partir de estudos entregues previamente”Aldo Fernandes, engenheiro da Secretaria de Obras

 

Cumprindo uma etapa técnica e mais formal, a Secretaria de Obras recebeu, do Brasília Ambiental, a renovação da licença, documento que comprova a legalidade do empreendimento. “A obra sempre esteve correta em termos ambientais”, explica o engenheiro ambiental Gabriel Fonte, da Secretaria de Obras.

Uma licença ambiental pode observar, entre outras questões, como e se a obra afeta o meio ambiente, se é necessário fazer a supressão vegetal, para onde será levado e qual destinação terá o material retirado, e se os trabalhos afetam lençóis freáticos. Cada item do relatório foi observado para que não houvesse incongruências.

“A obra atende todas as condicionantes do órgão ambiental, que vem a partir de estudos entregues previamente”, reforça o engenheiro Aldo Fernandes, da Secretaria de Obras. “Nós detalhamos como seria feita a escavação, o quanto seria escavado e tantos outros pontos”, completa.

Obra que vai beneficiar diariamente mais de 1 milhão de pessoas e cerca de 135 mil motoristas, o Túnel de Taguatinga começou a ser construído em 20 de julho de 2020 e já está com 70% do trabalho executado. Com investimento de R$ 275,7 milhões, a estrutura avança e gera oportunidade de trabalho e renda para todo o Distrito Federal. Até a conclusão dos serviços, cerca de 2 mil empregos serão criados.

 

(Reportagem da Agencia Brasilia)

O Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, participou nesta terça (17/05) do início das obras de construção de calçada, na QNC 01, na descida sentido HRT, em Taguatinga Norte.

Para o gestor, essa é mais uma obra que atende às reivindicações dos moradores, dando segurança e acessibilidade aos pedestres. 

Ele lembrou que, em 20 meses, foram construídos o equivalente a 60 quilômetros de calçadas na cidade.

Ezequias destacou que o governador Ibaneis Rocha tem sido o principal responsável pela modernizando da cidade, aumentando a autoestima da população.

Até o final de 2022, a previsão é que Taguatinga receba investimentos no valor de R$ 500 milhões. 

Esses recursos vão garantir obras como calçadas, estacionamentos, Pontos de Encontro Comunitários (PECs) e novas redes de águas pluviais e de esgoto, dentro outros benefícios para a população.

Ao mesmo tempo, está em fase final a construção da calçada na QNL 22, também em Taguatinga Norte, ao lado do Centro de Ensino Fundamental (CEF) 16.

Construção da calçada na QNC 01 

Calçada em frente ao Centro de Ensino Fundamental 16 na QNL 22

 

Participe do Bazar clicando no seguinte link :https://www.desapegadf.org.br/#

 

 

IPTU 2022

O IPTU começa a vencer nos próximos dias.

Se ainda não recebeu o boleto em casa, faça o seguinte:

 

Site da Receita

www.receita.fazenda.df.gov.br

Na página principal, clique em EMITIR IPTU/TLP.

Coloque a inscrição do imóvel e acesse os boletos da cota única e das seis parcelas.

 

App da Economia DF

Na página principal, selecione a opção “IMÓVEIS”.

Se já tiver com o imóvel cadastrado, basta selecionar a opção desejada.

Se não, cadastre o número e faça o procedimento de emissão pelo APP.

 

IRIS
Portal
 servicos.df.gov.brWhatsApp (99228-4814) ou Telegram @Íris_GDF_BOT.

No bate papo, clique na opção ‘Encontrar serviços

Depois, digite ‘Emissão IPTU’. Selecione se é para cidadão ou empresário.

Clique nas opções e selecione “emissão”.

O último passo é incluir o número de inscrição e confirmar a cota escolhida.

 

Lembre-se que é possível ter 10% de desconto na cota única.

 

Continuam as obras em Taguatinga. Nesta segunda (16/05) o DER realizou mais uma etapa da revitalização do asfalto nos cinco quilômetros de extensão do Pistão Sul. 

Além disso, foram realizadas várias ações de tapa-buracos. Uma delas nas QSBs 7e 12, em Taguatinga Sul, pela Novacap. 

Houve também recapeamento asfáltico no Setor QNC, em Taguatinga Norte, em áreas próximas ao HRT.

Outra ação de tapa-buracos ocorreu na QNL 28, Conjunto 03, em Taguatinga Norte. 

 Na QND 59 ocorreu a revitalização do ponto de ônibus instalado em frente ao Centro de Educação Infantil 02.

Para o administrador da cidade, Ezequias Pereira, essas ações refletem o empenho do governador Ibaneis Rocha em continuar o processo de modernização de Taguatinga.

Os números indicam que até o final do atual Governo, os investimentos em Taguatinga deverão alcançar R$ 500 milhões.

 Obras como o novo sistema de escoamento de águas pluviais e a revitalização da Praça do Relógio serão realizadas ainda no decorrer de 2022.

Pistão Sul

Recapeamento Asfáltico no Setor QNC 

Tapa-buracos QSB 7 e 12

Tapa-buracos  QNL 28

Ponto de Onibus na  QND 59

 

Uma das principais reivindicações dos moradores do Setor QNG, em Taguatinga Norte, transformou-se em realidade. 

Começou pela QNG 07 a troca das lâmpadas de mercúrio por LED, modernizando a iluminação pública da região.

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, esteve no local neste sábado (14/05) e ficou impressionado com a beleza e a eficiência da nova iluminação.

Lembrou ele que esse importante benefício para a população da cidade só foi possível “pela determinação e espírito público do governador Ibaneis Rocha”.

E não é só isso. Ezequias informou que a meta do GDF é garantir, até o final de 2022, que pelo menos 70% de toda iluminação pública de Taguatinga será com lâmpadas de LED.

Com essa mudança, completou o gestor, os moradores irão usufruir de uma iluminação pública de qualidade, aumentando a segurança tanto dos motoristas quanto dos pedestres. 

De acordo com a previsão do GDF, para alterar o sistema – a troca das lâmpadas de mercúrio por LED – demandará investimentos de R$ 8 a R$ 10 milhões.

 

Nesta semana, o administrador Ezequias Pereira fez uma visita à tradicional Associação Portuguesa, o segundo clube social e esportivo mais antigo de Brasília, criado em julho de 1962 por integrantes da colônia portuguesa. 

Em julho próximo, portanto, o clube completará 60 anos de fundação e o novo presidente da entidade, Ciro José de Freitas, pretende comemorar em grande estilo a data. 

Freitas vai retomar uma antiga tradição: marcar o aniversário do clube com uma bacalhoada especial. 

O bacalhau a ser  servido será importado da Noruega, acompanhado de um bom vinho português.

Essa comemoração foi interrompida devido à pandemia da Covid-19, em 2020, e outros problemas burocráticos.

O administrador Ezequias Pereira foi guiado pessoalmente, durante a visita, pelo presidente Ciro José de Freitas. “Fiquei impressionado com as instalações e os equipamentos, tudo moderno e eficiente”, disse Ezequias.

O clube, orgulho de Taguatinga, está instalado na Quadra Sul 5 e tem uma área de 79 mil metros quadrados. 

São três piscinas, duas saunas, um ginásio de esporte, três campos de futebol, quatro quadras de tênis, 20 churrasqueiras e dois amplos salões de festa.

 

O Programa Adote Uma Praça, do Governo do Distrito Federal (GDF), deverá contar com mais um participante estratégico.

Dessa vez, de nível internacional. Trata-se da International Police Association (Seção do Brasil) que pediu formalmente a adesão ao projeto. 

A representante da entidade no Brasil, Eliza Mitiko Fujishima Kwabara, informou que o objetivo é adotar uma das unidades do Taguaparque, a Vila das Crianças, que dá prioridade às crianças portadoras de necessidades especiais.

O projeto, explicou ela, é bastante amplo e será aplicado por etapas. Mas, nesse primeiro momento, já existe garantia de uma parcela de R$ 150 mil, para o início das atividades, obtidos por meio de emenda parlamentar.

Para o administrador, Ezequias Pereira, a parceria entre a entidade internacional, “será produtiva, benéfica e estratégica para o desenvolvimento de projetos sociais no Taguaparque”.

Um dos temas que serão abordados, segundo Eliza Mitiko, a partir da formalização do acordo com o Adote Uma Praça, será a questão da Segurança Alimentar.

Um dos objetivos é promover e informar o cidadão sobre maneiras de se ter uma alimentação sadia e nutritiva.

O programa Adote Uma Praça, é coordenado pela Secretaria de Projetos Especiais, do GDF.

Em vigor há mais de dois anos, já contemplou perto de 200 projetos em parceria com o setor privado.

A Associação Internacional de Polícia tem como integrantes aqui no Brasil, entidades como a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil, Polícia Legislativa, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia do Judiciário, dentre outras.

Automatização e tecnologia de ponta vão garantir a segurança dos mais de 135 mil motoristas que passarão pelo Túnel de Taguatinga todos os dias. Iluminação, sistema de exaustão, equipamentos de combate a incêndio e painéis luminosos fazem parte do moderno arsenal que trará tranquilidade e informação aos futuros usuários.

Em caso de queda de energia, três geradores darão autonomia de até 60 minutos não só para os ventiladores, mas também para todos os equipamentos de segurança | Fotos: Tony Oliveira/Agência Brasília

Itens de segurança automatizados seguem padrão internacional de qualidade e poderão ser vistos em toda a extensão do túnel. As luminárias serão instaladas com um espaçamento de 10 m entre uma e outra. A cada 60 m, hidrantes e extintores estarão disponíveis para um rápido controle de incêndios. A passagem contará, ainda, com sete saídas de emergência, todas munidas de portas corta-fogo.

Para garantir a qualidade do ar, o sistema de exaustão da passagem terá 52 ventiladores, cada um com 1,3 m de diâmetro. A potência dos equipamentos será controlada de forma automatizada. O subsecretário de Acompanhamento e Fiscalização da Secretaria de Obras, Ricardo Terenzi, conta que sensores de fumaça ficarão responsáveis por aumentar a velocidade das pás de acordo com a necessidade.

“Se houver um engarrafamento intenso ou até um incêndio dentro do túnel, a rotação aumenta o suficiente para aspirar a fumaça e lançá-la para fora da passagem”, explica Terenzi. Em caso de queda de energia, três geradores darão autonomia de até 60 minutos não só para os ventiladores, mas também para todos os equipamentos de segurança.

Segundo Terenzi, câmeras de segurança farão o monitoramento completo do túnel. “Teremos um centro de controle operacional para verificar todas as atividades e permitir atitudes de correção em tempo real”, ressalta. “Os técnicos conseguirão saber se queimou uma lâmpada ou se um ventilador deixou de funcionar. Qualquer falha no sistema vai ser apontada nos computadores”.

As informações repassadas aos motoristas também partirão do Centro de Controle Operacional. Dois painéis informativos serão instalados nas entradas do túnel. Caso alguma pista esteja interditada, os usuários saberão antes mesmo de entrar na passagem subterrânea.

Ansiosa para ver a obra concluída, a aposentada Alba Correa (52) confessa ficar aliviada diante de tantos equipamentos de segurança. “Nós, moradores do Distrito Federal, não estamos acostumados a dirigir por túneis mais longos. A ideia de ficar parada lá dentro por algum motivo, sem luz ou sem sistema de ventilação, me assustava”, comenta. “Agora, mais do que nunca, estou animada para começar a usar o túnel. Vai desafogar muito o trânsito da cidade”.

(REPORTAGEM DA AGENCIA Brasilia)

Atenção servidores da Administração de Taguatinga, veja os cursos que a Escola Superior de Gestão está oferecendo

 Inscrição pelo liink: ESG_inscricoes

A Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) já definiu os revestimentos que serão utilizados na passarela subterrânea que ligará a Estação Praça do Relógio, do metrô, do lado norte da Avenida Central, ao lado sul da via, passando pelo Túnel de Taguatinga. Os azulejos serão no padrão metrô (azul, laranja e branco), concreto aparente com aplicação de verniz antipichação e pintura eletrostática branca nas peças em estrutura metálica.

A passarela, próxima parte da obra do túnel a ser liberada, tem 40 metros de comprimento, 2,97 metros de altura e 4 metros de largura. A passagem, que já existia antes da obra atual, foi confeccionada com tubos de aço. Agora, foi necessário refazê-la. Hoje ela é toda em concreto armado. “A passarela terá duas rampas, uma do norte da Avenida Central e outra do lado sul”, explica Antônio Carlos Ribeiro, fiscal da Secretaria de Obras.

Já o piso escolhido pela companhia será em granito cinza corumbá, com acabamento antiderrapante e forro metálico modular removível. De acordo com a assessoria do Metrô-DF, a escolha dos revestimentos a serem utilizados na passagem foi com base em projetos de arquitetura já aprovados.

“Demolida em função das obras do túnel, a passarela subterrânea foi reconstruída de forma mais moderna e com mais acessibilidade, condizente com as necessidades dos mais de 5 mil usuários, em média, que circulam pela região”, diz o secretário de Obras, Luciano Carvalho.

Saber que a antiga passarela continuará existindo, agora com nova roupagem, alegrou os usuários do metrô e pessoas que transitam pelo centro de Taguatinga. O lavador de carros Henrique Rodrigues, morador de Samambaia, utiliza o metrô para ir trabalhar todos os dias, em Taguatinga. Como seu lugar de trabalho é do lado norte da região central, ele precisa atravessar diariamente do lado sul para o norte. “Vai ser muito legal a passarela, vamos poder atravessar com segurança”, destaca.

Outro que gostou de saber que haverá uma passarela subterrânea foi Luís Gonzaga, morador de Ceilândia. Embora não seja usuário assíduo do metrô, ele costuma transitar pelo centro de Taguatinga, e ficou feliz em saber da obra da passarela. “A expectativa de esse túnel ficar pronto é grande. O engarrafamento aqui era horrível. Vai melhorar muito.”

O lojista Eber Nunes, que trabalha em Taguatinga, mora no Gama e às vezes se desloca para o Plano Piloto para ir à outra filial da loja em que trabalha, diz usar o metrô esporadicamente. “A passagem subterrânea vai nos ajudar muito”, frisa.

Eber conta que os lojistas que ficam próximos ao túnel estão ansiosos pela conclusão da obra. “A expectativa é de que, com o fim da obra, as vendas aumentem. As pessoas muitas vezes têm preguiça de dar a volta, por isso o movimento caiu bastante. Temos visto lojas fechando. Estamos segurando a onda até a abertura dessa passarela”, explica.

(Reportagem da Agencia Brasilia)

O Setor Primavera, que está em processo de regularização fundiária, continua recebendo melhoramentos. Nesta quarta (11/05) foi a vez da Chácara 28, na QSC 19, ser beneficiada com o início dos serviços de implementação da rede de esgoto. 

Esse trabalho é realizado pela Caesb, com a participação de empresas terceirizadas e faz parte de um amplo programa de melhorias na região. Está em andamento também a recuperação da rede de águas pluviais.

Com pouco mais de 5,5 mil moradores, o Setor Primavera era o último conglomerado urbano ainda não regularizado em Taguatinga. 

As ações de regularização serão intensificadas agora em junho pelo GDF.

Para o administrador Ezequias Pereira, as obras e a regularização fundiária “eram demandas antigas dos moradores e, graças ao governador Ibaneis Rocha, a situação mudou, beneficiando segmentos sociais estratégicos de nossa cidade”.

Em outra ação no dia de hoje, por meio do programa GDF Presente, foram realizadas operações de tapa-buracos na QNL 04, conjuntos D e J, em Taguatinga Norte. 

A medida atende às reivindicações dos moradores encaminhadas à Ouvidoria da Administração Regional.

 

Três propostas serão apresentadas pelo Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, para resolver as pendências de dezenas de comerciantes da cidade junto ao DF Legal. Enquanto a solução final não for tomada, todas as ações de fiscalização do GDF ficam suspensas.

As alternativas foram consensuais, após reunião com empresários da Vila Dimas, de empresas de concessionarias de  veículos, dos moveleiros da Avenida Samdu e de concessionários de veículos da Avenida Hélio Prates. Participaram também representantes do DF Legal.

A primeira proposta, explicou o gestor, é permitir que os empresários participem do Programa Adote Uma Praça. E, a segunda alternativa, o pagamento de taxa por uso de área pública, com valores inferiores aos atuais.

A terceira opção seria um novo decreto fixando o valor da taxa de uso de área pública com base na tabela do IPTU. A proposta foi  apresentada pelo ex-administrador, Bispo Renato Andrade.

Presente à reunião, Bispo Renato afirmou que “ninguém quer a ilegalidade, mas também não queremos nenhuma empresa fechada”. É preciso, disse, garantir emprego e renda.

O proprietário de uma concessionária de veículos na Avenida Hélio Prates, a G-20, Heglisson de França Bahia, destacou que “as propostas atendem aos segmentos afetados, pois concordamos em pagar o preço justo”.

Já Karla Maria, que tem uma loja de tecidos e calçados na Vila Dimas, considerou a proposta boa. Isso porque pagar uma taxa mensal de R$ 2.500,00, conforme a legislação atual, é inviável para nós comerciantes. É um novo aluguel”.

 

Mais obras em benefício da população de Taguatinga. Nesta terça (10/05) o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) iniciou uma operação para recuperar a massa asfáltica do Setor QSE, no setor Sul da cidade. 

A ação faz parte de um contexto maior, a recuperação do asfalto de todo o Pistão Sul, atividade que vem sendo executada desde janeiro pelo GDF. 

Recuperar o asfalto das ruas e avenidas de Taguatinga foi um compromisso assumido pelo governador Ibaneis Rocha. 

Para que as obras nesse segmento não enfrentassem paralisações, Ibaneis determinou a permanência das máquinas e dos equipamentos da Novacap e do DER, em Taguatinga, até o final de 2022.

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, destaca a importância da recuperação da massa asfáltica das ruas da cidade.

Segundo o gestor, “esse tipo de serviço não ocorria, de forma intensa e organizada, há mais de 20 anos”.

Outra ação importante desta semana é a revitalização de uma quadra esportiva e de uma praça na Vila Matias, na QSD, em Taguatinga Sul.

E continua as obras de construção de um estacionamento na praça da QNL 22, em Taguatinga Norte.

Setor QSE

 Praça da Vilas Dimas 

A Administração de Taguatinga continua com seu trabalho árduo e diário. Nesta segunda (09/05) foi realizada uma operação educativa com a colocação de uma placa: Proibido Jogar Lixo ou Entulho

Pessoas desinformadas estavam transformando a QNJ 25, na área do Centro Educacional 05, em depósito de lixo, trazendo sujeira e perigo à saúde dos alunos e professores.

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, destacou a importância dessa iniciativa porque, além da limpeza em si, “traz um alerta à população para que cuide bem da sua cidade, preservando o meio ambiente”.

Outra ação importante foi a substituição de bocas de lobo no Setor M Norte, nas proximidades da QNM 34. 

Essa troca e recuperação de boca de lobo é um processo constante em toda a cidade, devido à ação de vândalos.

No ano passado o GDF fez a troca de 400 bocas de lobo em todo a capital federal. 

Grande parte dessas ações foram devido à ação de vândalos e pessoas que realizam comércio clandestino  nesse segmento.

Continuou, também, a colocação de bloquetes na área de construção de um novo estacionamento na QNL 22, em Taguatinga Norte.

Bocas de lobo na QNM 

novo estacionamento na QNL 22

Colocação de placas na QNJ 25, na área do Centro Educacional 05

Pela grande magnitude, a obra do Túnel de Taguatinga tem uma série de etapas. Entre elas, a criação da drenagem. O serviço consiste na construção de uma nova rede e de uma bacia de detenção para controlar o volume de água pluvial.

“A parte de drenagem é para absorver toda a água pluvial do Túnel de Taguatinga. A bacia permanece seca na maior parte do ano. Recebe aporte de água somente no período de chuva e libera o volume de água lentamente no córrego, evitando inundações”, explica o subsecretário de Acompanhamento e Fiscalização de Obras, Ricardo Terenzi.

Projeto da bacia de detenção. Os trabalhos estão previstos para meados de junho, com a escavação da bacia | Foto: Secretaria de Obras

O sistema será instalado abaixo da Feira dos Importados, próximo ao córrego de Taguatinga. A capacidade será de 4.696,09 m³, com 2070,80 m³ de volume de terraplanagem. Serão construídos dois dispositivos de chegada e saída e uma rampa de acesso. Também serão executados o gabião (estrutura armada) e o talude de corte.

A construção do sistema de drenagem tem papel fundamental na construção do Túnel de Taguatinga. “A obra de drenagem é essencial para garantir o funcionamento e a segurança do túnel, principalmente durante o período chuvoso. Os usuários da via irão trafegar com a segurança de existir ali um sistema de drenagem condizente com a grande obra que é o túnel”, declara o secretário de Obras, Luciano Carvalho.

Serviços

Os trabalhos estão previstos para serem iniciados em meados de junho, com a escavação da bacia. A obra do Túnel de Taguatinga está sendo feita pelo Governo do Distrito Federal (GDF), por meio da Secretaria de Obras e do consórcio de empresas contratadas intitulado Novo Túnel.

Considerada a maior obra viária urbana em execução no país, conta com 70% das obras já executadas, com trabalho de cerca de 400 operários. A construção vai beneficiar mais de 130 mil motoristas.

 

(Reportagem da Agencia Brasilia)

O Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, participou, nesta sexta (06/05), de uma exposição do artista Ralfe Braga. Evento realizado em parceria com o Sistema de Crédito Cooperativo (Sicred), empresa que reúne 109 cooperativas.

Ralfe Braga criou dez imagens inéditas e exclusivas em homenagem ao Distrito Federal e suas regiões administrativas.

Para o gestor, as obras do artista Ralfe Braga impressionam pelo “seu ineditismo e originalidade”, um verdadeiro colírio para os olhos.

Braga é um artista plástico paraense, radicado em Brasília há décadas. Sua temática principal é a floresta amazônica e o cerrado da região Centro-Oeste.

Já o Sicred possui 5,5 milhões de associados em todo o Brasil, com 2 mil e 200 agências distribuídas pelo país. Tem um patrimônio líquido de R$ 25,8 bilhões.

Mais um projeto concluído. Nesta semana foram concluídas as obras de revitalização da calçada de concreto da QNL 02, ao lado da Praça do Cruzeiro, nas vizinhanças do Atacadão Super Adega. Promessa feita, promessa cumprida.

E, ao mesmo tempo, estão em ritmo acelerado as obras do novo estacionamento em construção na QNL 22, em frente à Escola Classe 116. 

Quando o concluído, o estacionamento oferecerá 24 novas vagas para veículos, desafogando e disciplinando o trânsito no local. 

O custo estimado do projeto é de R$ 20 mil reais. A fase atual é de colocação dos bloquetes.

Outra obra importante diz respeito à revitalização do muro do Centro Educacional Infantil 02, em Taguatinga Norte. Com apoio de um grupo de grafiteiros. 

Importante também é a fresagem e o recapeamento de ruas no Setor QNC, próximas ao HRT, em Taguatinga Norte, sob o comando da Novacap.

 E, por último, uma operação tapa-buracos na QNM 36, nos conjuntos P e V.

O administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, esclarece que todas essas obras só estão sendo executadas devido ao apoio do governador Ibaneis Rocha à população da cidade.

Calçada na QNL 02

Operação tapa-buracos na QNM 36

Estacionamento na QNL 22

Centro Educacional Infantil 02

Recapeamento no Setor QNC proxímo ao HRT

As obras em Taguatinga continuam a pleno vapor. Nesta semana o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) está fazendo uma operação especial no Setor de Oficinas, na QSE/CSE, em Taguatinga.

Trata-se do recapeamento asfálticas das ruas daquele setor. A massa asfáltica na área estava em péssimas condições e, atendendo aos pedidos da população, a recuperação do asfalto está sendo executada.

Por determinação do governador Ibaneis Rocha, a Novacap e o DER, por meio do programa GDF Presente, permanecerão em Taguatinga até o final de 2022 para a recuperação asfáltica das ruas e avenidas da cidade.

 Para o administrador Ezequias Pereira, “a modernização da cidade está sendo executada com base e um planejamento estratégico e por meio de orientação expressa do governador Ibaneis “.

Desde o início do atual governo, já foram liberados mais de R$ 500 milhões para investimentos na cidade. 

No caso do recapeamento asfáltico, as obras mais importantes acontecem no Pistão Sul, nas áreas vizinhas ao HRT e Fórum, em Taguatinga Norte e em áreas centrais da cidade.

Em seguida virá a recuperação do asfalto na Avenida Hélio Prates, na parte referente à Taguatinga.

Setor de Oficinas

Pistão sul

HRT

Um grupo de líderes empresariais e comunitários participaram nesta terça (03/05) de mais uma visita guiada ao Túnel de Taguatinga, a maior obra de mobilidade social em execução no Brasil, com investimentos de R$ 275 milhões.

Com 70% das obras concluídas, o túnel possui números grandiosos. São 7,5 milhões de quilos de ferro, sete mil toneladas de aço, 522 mil m3 de terras retiradas e 430 operários trabalhando diariamente.

O administrador da cidade, Ezequias Pereira, destaca que o Túnel de Taguatinga “trará um mudança completa no trânsito, evitando congestionamentos e dando mais segurança aos 140 mil motoristas que circulam por ali todos os dias”.

Essa obra gigantesca, o túnel possui 1,2 km de extensão, um desejo da população há décadas, só se tornou realidade graças ao espírito de liderança e visão de estadista do governador Ibaneis Rocha, assinala o gestor.

Geraldo Barbosa de Castro, que administrou a cidade em 2006, mostrou-se surpreso com a grandiosidade do empreendimento. 

É “um projeto gigantesco que vai mudar a face de Taguatinga e trazer ainda mais crescimento econômico e desenvolvimento social”.

Já o pastor Alexandre Ferreira de Souza, da Igreja Adventista Central de Taguatinga, se impressiona com a grandiosidade da obra.

Ele considera que o túnel trará benefícios aos frequentadores dos templos religiosos instalados na região central da cidade. 

“Certamente terão mais segurança e gastarão menos tempo nos seus deslocamentos”, enfatiza.

 

 

As obras em Taguatinga continuam em ritmo acelerado. Nesta semana estão em andamento os trabalhos de construção de calçada na Área Especial, da QNG 28, ao lado do Posto de Saúde. Era uma demanda antiga dos moradores.

As operações de tapa-buracos também estão sendo realizadas, sem interrupção, em vários pontos da cidade. Uma das últimas ações desse tipo ocorreu na QSC 26 e na QNC 14, Conjunto A.

E uma das obras mais importantes para Taguatinga, o recapeamento da massa asfáltica do Pistão Sul, continua sendo prioridade. Era uma reivindicação de décadas dos moradores daquela região da cidade.

Neste final de semana, o administrador Ezequias Pereira participou de uma reunião com o líder comunitário, Francisco Camelo, e outros empresários instalados na Área de Desenvolvimento Econômico (ADE), do Setor M Norte.

A principal reivindicação é a criação de uma via de ligação do setor à BR 070. Trata-se de um novo acesso da ADE, no Setor de Oficinas, àquela importante rodovia.

Ezequias Pereira afirmou que é pertinente a demanda dos empresários e da comunidade local. Os estudos sobre o pedido foram encaminhados a área técnica da Administração Regional.

Reunião com empresários da Área de Desenvolvimento Econômico do Setor M Norte

Pistão Sul

QNG 28

Tapa Buraco na QSC 26 e na QNC 14

Neste sábado (30/04), os moradores do Reserva Taguatinga, no Setor Sagoca, receberam um grande presente. É que os edifícios daquele conglomerado receberam uma nova linha de transmissão de energia elétrica.

Com a medida, fica resolvido um dos problemas que mais afligiam os moradores da área, as constantes quedas de energia elétrica na área.

O administrador da cidade, Ezequias Pereira, lembrou que o GDF vem trabalhando para recuperar a infraestrutura do Setor Sagoca, com medidas nas áreas de transporte, saneamento e escoamento de águas pluviais.

O compromisso do governador Ibaneis Rocha é de resolver, na medida do possível, as demandas da população de todo o Distrito Federal, especialmente os segmentos mais carentes da capital federal, explicou o gestor.

As obras em Taguatinga não param. Nesta semana os órgãos do Governo do Distrito Federal (GDF) e da Administração Regional continuaram com as operações de tapa-buracos, recuperação da massa asfáltica, retirada de entulhos e construção de estacionamento.

Foi realizada uma grande operação tapa-buracos, na Avenida das Palmeiras, pela equipe da Novacap. Houve retirada de entulho na Escola Classe 09 na QSD, aréa especial 2, em Taguatinga Sul, e revitalização do Parquinho localizado na QNC 07.

Além disso, o administrador Ezequias Pereira participou da cerimônia de entrega de dezenas de autorizações para o funcionamento de lojas de ambulantes instalados na Feira dos Goianos.

Segundo o Administrador, todas essas ações representam “a capacidade de trabalho e a prioridade dada pelo governador Ibaneis Rocha à Taguatinga”. De 2019 até o final de 2021, o GDF liberou recursos no valor de R$ 500 milhões para investimentos na cidade.

Vale lembrar, ainda, que continuam em execução as obras do novo estacionamento nas vizinhanças do Residencial Vivace, em Taguatinga Norte.

O Administrador de Taguatinga, Ezequias Pereira, participou, nesta quinta (28/04), na companhia do governador Ibaneis Rocha, da inauguração da Escola Classe 52, localizada no Setor M Norte. 

Após dois anos de completa reconstrução, a escola está pronta para receber alunos do ensino fundamental, do primeiro ao quinto ano. 

São três pavimentos, 19 salas de aula, quadra poliesportiva coberta, biblioteca, auditório, laboratório de informática  e capacidade para abrigar mil alunos.

Para Ezequias Pereira, a reconstrução total da escola – as atividades escolares foram suspensas por decisão judicial em 2019 -, é um marco para Taguatinga.

Representa, segundo ele, o empenho do governador Ibaneis Rocha em dar ao setor educacional as condições necessárias para a boa formação de nossos jovens.

Participaram do evento os secretários de Governo, José Humberto Pires; de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha; a deputada Celina Leão (PP); e o presidente da Câmara Legislativa do DF, deputado distrital Rafael Prudente (MDB), dentre outras autoridades.

Em julho, a primeira etapa do Túnel de Taguatinga deverá ser entregue ao público. 

Assim, haverá mais segurança e redução do tempo gasto pelos motoristas que circulam diariamente pelo centro da cidade.

O túnel está cada vez mais perto de ser entregue à população, com 70% dos trabalhos executados. 

Na semana passada duas importantes medidas foram tomadas: a liberação do trânsito na Avenida Comercial e a retirada parcial dos tapumes, no centro da cidade.

Para o Administrador da cidade, Ezequias Pereira, “as duas medidas adotadas pelo governador Ibaneis Rocha darão maior fluência  ao trânsito e mas segurança aos pedestres ''.

Além disso, vai permitirá que motoristas e pedestres acompanhem mais de perto a evolução dos serviços em execução.

Para o Secretário de Obras, Luciano Carvalho, a ideia é permitir que população acompanhe mais de perto o andamento das obras sem comprometer a segurança das pessoas”.

Com investimentos de R$ 275 milhões, o Túnel de Taguatinga é a maior obra de mobilidade social em andamento no país. Mais de 100 mil veículos circulam diariamente pelo centro da cidade.

 

Na proposta do parlamentar, a justificativa da mudança é garantir

Na proposta do parlamentar, a justificativa da mudança é garantir "maior sensação de segurança aos usuários do transporte coletivo do Distrito Federal" – (crédito: Ana Rayssa/CB/D.A Press)

Os usuários do transporte público do Distrito Federal vão poder desembarcar dos ônibus fora dos pontos predeterminados a partir das 21h. A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) aprovou, nesta terça-feira (26/4), um projeto de lei que determina a livre parada dos coletivos das 21h às 6h. Hoje, o horário para o desembarque alternativo começa às 23h e vai até 6h.

A proposta, de junho de 2021, segue agora para sanção do governador Ibaneis Rocha (MDB). Caso aprovada pelo chefe do Executivo local, a medida — de autoria do presidente da CLDF, deputado Rafael Prudente (MDB) — passa a valer como lei.

 

(Reportagem do Correio Brasiliense)

As avenidas do centro de Taguatinga são velhas conhecidas do aposentado Jovercino Silva, 68 anos. Todos os dias, ele atravessa a cidade para visitar os pais, rotina que ganhou ares desafiadores nos últimos nove meses. O bloqueio do acesso entre as avenidas Comercial Sul e Comercial Norte, por causa das obras do Túnel de Taguatinga, dificultava o trajeto do filho dedicado.

A reativação do tráfego entre as comerciais Sul e Norte é mais uma mostra do ritmo intenso empregado na construção da maior obra viária urbana em execução no país

“Eu precisava ir para Taguatinga Sul pelo Pistão e retornar para Taguatinga Norte pela Avenida Samdu, uma volta imensa”, conta Jovercino. “Com a liberação da pista, minhas manhãs voltaram ao normal. É uma economia de tempo muito grande”.  O cruzamento que liga as duas avenidas comerciais foi reaberto nesse 21 de abril, dia em que Brasília completou 62 anos.

De acordo com o administrador regional de Taguatinga, Ezequias Pereira, a liberação do acesso beneficia cerca de 100 mil veículos que transitam diariamente pela via. “Além disso, quatro linhas de ônibus voltaram a trafegar pela pista, melhorando muito a mobilidade da cidade”, afirma. Mas os motoristas não são os únicos animados com a reabertura.

O desbloqueio foi comemorado não só por motoristas, mas também por quem precisa caminhar entre as duas avenidas | Fotos: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília

Para os comerciantes locais, o desbloqueio da via é sinônimo de esperança. O funcionário de uma banca de revistas José Rodrigo Prereira de Oliveira, 45, acredita que os dias de movimento fraco ficaram no passado. “Vamos voltar a vender bastante com a liberação do cruzamento”, aposta. “A gente tem fé que vai melhorar muito”.

Quem precisa caminhar entre as duas avenidas também comemora o desbloqueio do cruzamento. Moradora da QSE 10, a dona de casa Vanda Lúcia Nascimento, 58, não frequentava a comercial Sul de Taguatinga havia meses. “O acesso estava difícil, tinha que caminhar muito”, recorda. “Agora, voltei a andar por essas bandas. Deu até gosto passear pelas lojas, ver o movimento”.

A reativação do tráfego entre as comerciais Sul e Norte é mais uma mostra do ritmo intenso empregado na construção do Túnel de Taguatinga, a maior obra viária urbana em execução no país. O próximo trecho a ser liberado para a população será a passarela subterrânea que liga a Estação Praça do Relógio, do lado norte da Avenida Central, ao lado sul da via.

Animada com as mudanças que estão por vir, a aposentada Célia Maria Rosa, 67, celebra a volta à normalidade no centro de Taguatinga. “A reabertura do cruzamento já foi maravilhosa para quem precisa atravessar a cidade”, avalia. “E vai ficar melhor ainda quando o túnel ficar pronto”.

 

(Matéria da Agencia Brasilia)

Duas escolas de engenharia da cidade já levaram alunos para acompanhar a construção do Túnel de Taguatinga. O projeto inédito de visitação é da Secretaria de Obras do Distrito Federal. A secretária adjunta do órgão, Janaína Oliveira, responsável pela ida dos estudantes, disse que o projeto tem sido muito proveitoso. Segundo ela, os alunos podem ver na prática a teoria que aprendem na sala de aula.

Futuros engenheiros percorrem as obras do túnel, em visita acompanhada: aprendizado in loco | Fotos: Paulo H Carvalho/Agência Brasília

Até agora, dois grupos, de 15 alunos cada um, já conheceram a obra. Para dar início ao projeto, a secretaria solicitou ao Conselho Regional de Engenharia (Crea) a relação das faculdades locais que oferecem o curso. A partir daí foi feito o convite às escolas de engenharia para levarem os alunos a uma visita à obra.

De acordo com Janaína, não é comum a realização de uma obra dessa magnitude – o que faz dessa visita uma grande oportunidade de aprendizado para esses estudantes. UniCeub e Unieuro já fizeram a visitação. A próxima faculdade a levar alunos será a Uniceplac, seguida de Unip, Católica e Iesb. As visitas ocorrem sempre às sextas-feiras.

“Quando os alunos chegam ao local, primeiro é feita uma apresentação e depois começa a visitação”, explicou a secretária adjunta. “Os estudantes que forem conhecer a obra do túnel poderão aprender na prática instrumentação, controle tecnológico de ruídos, concretagem, entre outras coisas. Acompanhei a primeira visita; os alunos ficaram maravilhados.”

A coordenadora das engenharias do UniCeub, professora Maruska Bueno, classificou a visita como muito proveitosa. “A obra tem diversas frentes de engenharia. O projeto executivo é excelente. Os alunos puderam acompanhar de perto, ter conhecimentos inesquecíveis, aprender sobre processo de escavação e concretagem, por exemplo”, disse a professora. Os alunos do UniCeub fizeram a visita acompanhados de dois professores.

O Túnel de Taguatinga tem 1.060 metros de extensão, dos quais 830 metros são de área coberta. Para estruturá-lo, estão sendo aplicadas 8 milhões de toneladas de aço e, em concreto, uma quantidade equivalente a dois campos de futebol, com 10 metros de altura de concretagem.

 

(Matéria da Agencia Brasilia)

Mapa do site Dúvidas frequentes