15 de abril

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
5/04/23 às 15h15 - Atualizado em 5/04/23 às 15h15

Luminárias de emergência começam a ser instaladas no Túnel de Taguatinga

COMPARTILHAR

Nem interrupção no abastecimento elétrico deixará o Túnel de Taguatinga no escuro. As primeiras das 332 luminárias de emergência que atenderão o complexo viário começaram a ser instaladas. Além disso, já chegou um dos três geradores que vão garantir autonomia de mais de três horas aos equipamentos da passagem subterrânea, em caso de queda de energia.

Segundo o engenheiro eletricista responsável pelas instalações elétricas do túnel, Renato Sales Santos, as luminárias de emergência são próprias para uso em passagens subterrâneas. “As peças são resistentes a explosão, feitas de alumínio e vidro”, explica. “Cada uma delas é equipada com lâmpada de bulbo tipo LED de 18W de potência”.

As luminárias ficam a uma altura de 1,5 m em relação ao piso, fixadas nas placas cimentícias que revestem as paredes internas do túnel. O espaçamento entre uma e outra varia de 9 m a 10 m. “Seguimos todas as recomendações da NBR 10898 da ABNT [Associação Brasileira de Normas Técnicas]”, garante Renato. “Essa norma trata especificamente de iluminação de emergência”.

Para garantir o abastecimento elétrico em caso de queda de energia, três geradores serão instalados na sala de comando do Túnel de Taguatinga. “O menor deles, com 375 KVA de potência, já foi entregue pelo fabricante de Itumbiara [GO]”, informa Renato. “Aguardamos a chegada dos outros dois, de 750 KVA cada. Juntos, eles conseguirão manter os equipamentos do complexo viário em funcionamento por cerca de três horas e meia”.

(Com Informações da Agência Brasilia)

Mapa do site Dúvidas frequentes