04 de fevereiro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
1/01/23 às 12h29 - Atualizado em 1/01/23 às 12h29

Começa concretagem das escadas de emergência do Túnel de Taguatinga

COMPARTILHAR

As escadas de emergência do Túnel de Taguatinga já começaram a ser concretadas. A construção dos três acessos, usados para evacuar a passagem subterrânea em caso de incêndio, foi iniciada na primeira semana de dezembro, com a montagem da armação. Passado menos de um mês, metade do serviço já está pronta.

 

 

Após a concretagem da metade da escada central, equipes montam a fôrma da parte restante | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

 Os trabalhos começaram pela escada central, que sairá da sala de comando do túnel e levará até a Avenida Comercial. “É a menor das três, terá 26 degraus divididos em três patamares”, conta o engenheiro civil André Borges, um dos responsáveis pela obra. “Já concretamos metade dela e estamos montando a fôrma do restante”.

 

No lado norte do túnel, onde os veículos vão transitar no sentido Estrada Parque Taguatinga (EPTG)-Avenida Elmo Serejo, ficará a maior das três escadas – que, com 63 degraus, dará acesso à área externa, em um ponto próximo à Avenida Comercial. “A fôrma já está toda pronta, e vamos iniciar a concretagem nesta semana”, garante André.

A escada localizada na metade sul do Túnel de Taguatinga será a última a ser construída. “Essa terá 37 degraus e levará até a sala de comando”, detalha André. Além dos acessos de emergência, o sistema de combate a incêndios da passagem subterrânea conta com hidrantes a cada 60 metros e 52 ventiladores automatizados.

 

De acordo com o subsecretário de Acompanhamento e Fiscalização da Secretaria de Obras, Ricardo Terenzi, sensores de fumaça serão responsáveis por aumentar a velocidade das pás de acordo com a necessidade. “Em caso de incêndio, a rotação aumenta o suficiente para aspirar a fumaça e lançá-la para fora do túnel”, explica

(Com informações bda Agência Brasília)

 

 

 

 

Mapa do site Dúvidas frequentes