04 de fevereiro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
30/12/22 às 12h59 - Atualizado em 30/12/22 às 12h59

Sala técnica do túnel é preparada para receber quadros de energia

COMPARTILHAR

A sala de comando do Túnel de Taguatinga começou a ser preparada para receber os 14 quadros de energia que vão alimentar os equipamentos do complexo viário. A primeira das duas bases de concreto maciço responsáveis por sustentar os painéis já está em construção. Cada uma delas terá sete metros de comprimento por 0,90 cm de largura, com uma altura de 20 cm.

 

O formato retangular do bloco de apoio é definido com pedaços de madeira. Antes de encher a fôrma, no entanto, os operários fazem a picotagem da laje de fundo com a ajuda de um martelete. “Assim, aumentamos a aderência entre o concreto novo e o antigo”, explica o engenheiro civil André Borges. “O processo evita que as duas superfícies descolem uma da outra no futuro

Logo acima da base, foi instalada uma eletrocalha, canaleta de aço galvanizado por onde vai passar o cabeamento dos quadros de energia. “Temos painéis de média e baixa tensão que alimentam diversos equipamentos essenciais para o funcionamento do túnel”, detalha Renato Sales Santos, engenheiro eletricista da obra. “São quatro painéis para os ventiladores do sistema de exaustão, outros quatro para a iluminação, um de nobreak…”, elenca.

 

A área técnica do Túnel de Taguatinga ocupa a porção central da passagem, logo acima da laje superior. Além dos quadros de alimentação, o espaço de 1.734 m² vai abrigar centrais de monitoramento, três geradores de energia, banheiros, copa e dois reservatórios de combate a incêndio. Os tanques, com capacidade para 50 mil litros de água cada, já começaram a ser construídos.

(Com informações Agência Brasília)

”.

 

 

Mapa do site Dúvidas frequentes